Futebol Morre o ex-jogador Freddy Rincón, ídolo do Corinthians

Morre o ex-jogador Freddy Rincón, ídolo do Corinthians

Colombiano de 55 anos lutava para sobreviver a um grave acidente de carro e não resistiu

  • Futebol | Do Live Futebol BR

Freddy Rincón foi bicampeão brasileiro e do Mundial de 2000 pelo Corinthians

Freddy Rincón foi bicampeão brasileiro e do Mundial de 2000 pelo Corinthians

Reprodução/Record TV

Ex-jogador da seleção colombiana e ídolo do Corinthians, Freddy Rincón morreu na noite desta quarta-feira (13), aos 55 anos, por complicações causadas após sofrer um grave acidente de carro em Cali, na Colômbia.

A informação foi dada na madrugada desta quinta (14), por volta das 1h30 no horário de Brasília, pela clínica onde o ex-volante seguia internado na UTI após ser submetido a um procedimento cirúrgico na última segunda-feira (11).

Freddy Eusébio Gustavo Rincón Valencia, mais conhecido como Rincón, nasceu em Buenaventura, na Colômbia, no dia 14 de agosto de 1966. Ele deixa dois filhos: Freddy Stiven e Sebástian, de 28 anos, que é jogador de futebol do Barracas, da 2ª divisão argentina.

Rincón começou a jogar futebol no Atlético Buenaventura, em 1986, e passou por vários clubes durante sua carreira, entre eles os brasileiros Palmeiras, Santos, Cruzeiro e Corinthians, onde é ídolo. Pela seleção colombiana, fez 17 gols em 84 jogos, e disputou três Copas do Mundo: 1990, 1994 e 1998.

Ídolo corintiano
Ex-volante, ele se transferiu para o Palmeiras, em 1994, passou ainda pelo Napoli (Itália) e Real Madrid (Espanha), e depois retornou ao Verdão, em 1996. Mas foi em 1997 que deu início a sua passagem mais vitoriosa no futebol brasileiro, quando assinou com o Corinthians.

No Timão, o jogador colombiano foi bicampeão brasileiro (1998 e 1999) e conquistou o Mundial de Clubes da Fifa em 2000. Depois, também passou por Santos e Cruzeiro, mas sem repetir o sucesso que teve vestindo a camisa 8 corintiana. 

Após o anúncio de sua morte, o clube publicou mensagem nas redes sociais lembrando que o colombiano foi o capitão do primeiro título mundial: "Eternamente em nossos corações".

O acidente
O carro em que Rincón estava se chocou com um ônibus no bairro San Fernando, na cidade de Cali, na Colômbia. Em imagem que circulou nas redes sociais, é possível ver que o automóvel onde cruzou um sinal vermelho.

Segundo o irmão de Freddy, Rafael Rincón, o ex-jogador não era o motorista no momento do acidente. A informação é que no carro estavam ainda mais duas mulheres, que tiveram ferimentos leves. Uma investigação sobre caso foi aberta e não está descartada a presença de uma quarta pessoa no carro. Foi confirmado também que o motorista do ônibus teve uma fratura na perna e joelho esquerdos, passou por cirurgia e seu estado é estável.

Com o choque, o ônibus teve sua frente destruída. Um prédio entre as ruas 5 e 34 do bairro também foi atingido e o carro onde Rincón estava teve o lado direito bastante danificado.

Confira quem são os 7 técnicos com mais vitórias no Brasileirão

Últimas