Futebol Morre jornalista e médico Osmar de Oliveira

Morre jornalista e médico Osmar de Oliveira

Corintiano fanática, comentarista não resistiu a uma parada cardíaca nesta sexta (11)

Morre jornalista e médico Osmar de Oliveira

Dr. Osmar era torcedor fanático do Corinthians

Dr. Osmar era torcedor fanático do Corinthians

DANIEL AUGUSTO JR/AG.CORINTHIANS/Gazeta Press

O jornalista esportivo e médico Osmar de Oliveira morreu nesta sexta-feira (11), aos 71 anos. A informação foi confirmada pelo hospital AC Camargo, de São Paulo, onde o comentarista estava internado após cirurgia para a retirada de um tumor na próstata.

De acordo com informações do site da Band, emissora na qual Osmar trabalhava atualmente, o irmão dele, César de Oliveira, que também é médico, disse que a morte aconteceu às 18h15 em decorrência de uma parada cardíaca.

De acordo com o familiar, a parada cardíaca aconteceu após uma complicação de uma hemorragia que aconteceu em um acidente no qual, há um mês, a sonda que ele usava se prendeu e afetou a bexiga.

Dr. Osmar, como era conhecido, sofreu um infarto em julho de 2013. Na ocasião, ele brincou ao atribuir o ataque ao árbitro paraguaio Carlos Amarilla, que teve atuação polêmica em jogo do Corinthians contra o Boca Juniors na Libertadores.

Corinthians faz homenagem a Osmar de Oliveira

O jornalista era corintiano fanático e vivia exaltando o time em seus comentários. Formado pela PUC de Sorocaba, Dr. Osmar especializou-se em medicina esportiva e foi médico do Alvinegro, do COB (Comitê Olímpico Brasileiro) e da seleção brasileira de basquete.

Na carreira como jornalista, passou por TV Gazeta (SP), Rádio Gazeta, TV Bandeirantes, SBT, TV Manchete, TV Cultura, TV Record e TV Globo.

Acompanhe a página de Esportes do R7

    Access log