Futebol Momento histórico na África inspira terceiro uniforme do Santos 

Momento histórico na África inspira terceiro uniforme do Santos 

Camisa faz alusão ao famoso episódio no qual o time de Pelé parou uma guerra na Nigéria em partida amistosa numa zona de conflito

  • Futebol | Do Live Futebol BR

Modelo Camilla Badu, músico Kyan e zagueiro Bauermann

Modelo Camilla Badu, músico Kyan e zagueiro Bauermann

Santos FC

O Santos apresentou nesta quarta-feira (14) um terceiro uniforme criado para relembrar o famoso episódio em que o time de Pelé paralisou uma guerra civil em curso na África.

Integrante da campanha Nations 2022, da fabricante Umbro, a camisa faz alusão à passagem do Peixe pela Nigéria, em 4 de fevereiro de 1969, para amistoso com a seleção do país anfitrião. O jogo ocorreu em uma zona de conflito: a cidade de Benin.

Houve trégua entre governo e opositores para que o estádio lotado pudesse ver Pelé em campo. A partida terminou em 2 a 1 para os brasileiros (gols de Edu e Toninho Guerreiro). A guerra só acabaria quatro anos depois com derrota dos separatistas que queriam a independência da região de Biafra.

O zagueiro santista Eduardo Bauermann, o músico Kyan e a modelo Camilla Badu estrelam a ação para mostrar o figurino ao público.

Em conexão com a cultura africana, os grafismos do uniforme dividem espaço com a frase “Juntos Pela Paz, Juntos Pelo Futebol Alegre” na gola. Na parte de trás, abaixo da gola, está escrito “Nigéria 1969” e “O Dia em que a Guerra Parou”. 

‘Mudar o mundo’
“Essa camisa é uma referência direta à grandiosa história do nosso clube, um momento que ficou marcado até hoje e confirma como um esporte promove ações que podem mudar o mundo", destaca o presidente Andres Rueda.

A nova camisa estará disponível para compra a partir desta quinta (15) no e-commerce da Umbro Brasil (www.umbro.com.br) e nas lojas físicas e online do Alvinegro Praiano.

A estreia do terceiro uniforme está prevista para a partida contra o Athetico-PR, no dia 27 de setembro, uma terça, às 21h30, na Vila Belmiro, pelo Campeonato Brasileiro.

Silvio Lancellotti (1944-2022)

Últimas