Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Jogadores do Ypiranga arrombam cadeado com pé de cabra após serem trancados em vestiário; veja

A equipe acabou se atrasando na volta do intervalo por conta do ocorrido; dirigentes do Canarinho acusam a federação gaúcha

Futebol|Do R7

O Ypiranga saiu na frente do Grêmio nas semifinais do Campeonato Gaúcho e venceu o Tricolor por 2 a 1, de virada, na partida de ida, disputada no domingo (19). No entanto, um fato inusitado roubou os holofotes do confronto: jogadores do Canarinho foram trancados no vestiário com um cadeado, supostamente colocado pela própria Federação Gaúcha de Futebol, e tiveram que arrombar a porta para poder voltar para o segundo tempo do confronto. 

O feito do Ypiranga fica ainda mais impressionante, pois os dois gols da virada da equipe saíram justamente na segunda etapa. Erick, de pênalti, balançou a rede duas vezes e garantiu a vantagem da equipe de Erechim para a partida de volta.

Goleiro do Ypiranga teve que quebrar cadeado com um pé de cabra
Goleiro do Ypiranga teve que quebrar cadeado com um pé de cabra Goleiro do Ypiranga teve que quebrar cadeado com um pé de cabra

Nas imagens que viralizaram nas redes sociais, um funcionário tenta quebrar o cadeado com um pé-de-cabra, mas quem conseguiu terminar o serviço foi o goleiro Edson. No vídeo é também possível perceber a reclamação de um dos membros da direção do Ypiranga, que questiona quem havia mandado trancar o portão. 

Ainda segundo os dirigentes canarinhos, o cadeado foi posto no portão do vestiário da equipe a mando da Federação Gaúcha de Futebol.

Publicidade

O jogo de volta das semifinais do Gaúchão entre o Grêmio e o Ypiranga acontece no próximo sábado (25), às 16h30 (horário de Brasília). O Internacional e o Caxias brigam por uma vaga na final na outra chave das semis. 

Salário de Daniel Alves poderia resolver um problema que dura oito anos no São Paulo

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.