Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Irritado, Ceni critica a troca de Reinaldo por Calleri em pênalti

Técnico do São Paulo também se mostrou muito descontente com a qualidade de jogo apresentado pelo seu elenco na etapa final

Futebol|Do Live Futebol BR

Rogério Ceni orienta a equipe do São Paulo durante o empate com o Avaí pelo Brasileirão 2022
Rogério Ceni orienta a equipe do São Paulo durante o empate com o Avaí pelo Brasileirão 2022 Rogério Ceni orienta a equipe do São Paulo durante o empate com o Avaí pelo Brasileirão 2022

O São Paulo mesmo tendo duas penalidades a seu favor diante do Avaí, acabou não vencendo em Santa Catarina e com isso não conquistou a liderança provisória do Brasileirão, já que, o Palmeiras só entra em campo neste domingo (5). E visivelmente irritado na coletiva pós-jogo, Rogério Ceni criticou a troca do batedor oficial das penalidades na chance de abrir dois gols de vantagem.

"Depois que a bola não entra é mais fácil você fazer qualquer julgamento. O primeiro batedor é o Reinaldo, a responsabilidade é dele quando ele está dentro de campo. Eles (Luciano e Calleri) são os outros dois batedores. Os três são denominados, mas o primeiro batedor é ele (Reinaldo). A decisão a ser tomada é dele, a não ser que ele não esteja com confiança, um dos outros dois executa a cobrança", disparou Ceni.

"O resultado foi péssimo, a apresentação depois do pênalti foi péssima. Nós falhamos, não conseguimos, depois que perdemos o pênalti baixamos a cabeça, desistimos do jogo. O Avaí acabou crescendo, até então estava um jogo tranquilo, controlável, depois disso a gente perde confiança. Falhamos e não conseguimos. Era uma possibilidade real de vitória, nós não conseguimos e voltamos decepcionados mais uma vez para casa", acrescentou o comandante do São Paulo.

De acordo com Rogério Ceni, a vitória traria uma tranquilidade em termos de classificação e colocaria uma pressão sobre os rivais, mas não completaram o objetivo. "E nós, assim, infelizmente, mais uma vez, tivemos a oportunidade de chegar aos 16 pontos (liderança provisória do Brasileirão)."

Publicidade

"Independentemente do time que fosse escalado hoje, a vitória tinha que ter vindo. Não tem desculpa" concluiu Ceni.

A equipe do Sâo Paulo agora mira o jogo contra o Coritiba, no Couto Pereira, às 20h, em busca da reabilitação para seguir tendo contato com os líderes do Campeonato Brasileiro, pela 10ª rodada, na próxima quinta-feira (9).

Artilheiros do Brasil estão separados por um gol cada

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.