Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Fortaleza vence e impõe primeira derrota de Felipão no comando do Atlético-MG

O Leão foi melhor no jogo e bateu a equipe de Hulk e companhia por 2 a 1; o Galo despenca na tabela após a derrota

Futebol|Do R7

Fortaleza bateu o Galo por 2 a 1 no Castelão
Fortaleza bateu o Galo por 2 a 1 no Castelão Fortaleza bateu o Galo por 2 a 1 no Castelão

A esperada primeira vitória do Atlético-MG sob o comando de Felipão não aconteceu neste sábado (24) à noite, na Arena Castelão, em Fortaleza. Ao contrário, o time mineiro perdeu, por 2 a 1, para o Fortaleza, no jogo válido pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. O ex-técnico da seleção brasileira já tinha estreado na rodada passada no empate por 1 a 1 com o Fluminense, em Volta Redonda (RJ).

Além de perder uma série invicta de sete jogos, o Atlético-MG não se aproximou dos líderes, permanecendo com 19 pontos, em uma posição intermediária na tabela. O Fortaleza chegou aos 20. Os dois times, agora, têm compromisso na terça-feira (27), pela Conmebol — o Atlético-MG pela Libertadores, e o Fortaleza, pela Sul-Americana.

O primeiro tempo foi decepcionante para os mais de 30 mil torcedores que foram ao estádio, embora os dois times tenham cumprido à risca o roteiro esperado para esse jogo. O Atlético-MG manteve a maior posse de bola, enquanto o Fortaleza se posicionava mais atrás para depois explorar a velocidade no contra-ataque, sua principal arma.

Compartilhe esta notícia no WhatsApp

Publicidade

• Compartilhe esta notícia no Telegram

Na verdade, os times esperavam um erro do adversário para chegar ao gol. Nem João Ricardo, da equipe cearense, nem Everson, do clube mineiro, fizeram nenhuma grande defesa. O Fortaleza se arriscou em chutes de longe, enquanto o Atlético-MG ficou na espera de Hulk resolver numa jogada individual.

Publicidade

Como a bola não chegava perto da área, Hulk voltou para o segundo tempo disposto a se arriscar de longe. No primeiro minuto, sem ângulo, chutou no canto, e João Ricardo mandou para o escanteio. Aos sete, soltou a bomba da frente da área, e João Ricardo, de novo, saltou para espalmar e defendeu em dois tempos.

No lance seguinte, o Fortaleza desceu pelo lado direito, com Thiago Galhardo, que fez o cruzamento rasteiro. A bola resvalou no zagueiro atleticano Jamerson e subiu para a cabeçada de Pochettino no segundo pau, nas costas de Saravia. Fortaleza 1 a 0, aos oito minutos.

Publicidade

O Atlético-MG tentou manter o mesmo ritmo, mas sofreu o segundo gol aos 16 minutos. O lance começou numa falta pelo lado esquerdo, com a bola sendo alçada na grande área. Titi ajeitou de cabeça, e Tinga apareceu na pequena área para esticar o pé direito e balançar a rede: 2 a 0.

Felipão ainda tentou a reação com algumas trocas — com a entrada de Vargas, Igor Gomes e Igor Rabello —, que não surtiram efeito. Ele praticamente "jogou a toalha" aos 24 minutos, quando tirou Hulk, o mais perigoso no ataque atleticano, para a entrada de Alan Kardec, que voltou de uma longa inatividade. Era sinal de sua preocupação com a definição da vaga na segunda fase da Copa Libertadores.

Mas deu tempo ainda de Alan Kardec diminuir o placar, aos 41 minutos. Dentro da área, ele esticou o pé e desviou o chute de longe de Edenilson, com a bola entrando no canto direito de João Ricardo. Na ansiedade de buscar o empate, o Atlético-MG se abriu, e, num contra-ataque, Saravia foi expulso. O defensor teve que cometer falta em Calebe, que iria em direção ao gol. Isso aos 43. Os últimos minutos foram de pressão atleticana, mas o placar não mudou.

Na próxima terça-feira (27), o Atlético-MG decide o seu futuro na Libertadores. O time mineiro precisa, pelo menos, empatar fora de casa com o Libertad, no Paraguai, para avançar no Grupo G, no qual tem nove pontos, um a menos que o Athletico-PR, já classificado. No mesmo dia, o Fortaleza apenas vai cumprir tabela pela Sul-Americana diante do Palestino, no Chile, porque o time cearense já garantiu a liderança isolada do Grupo H.

Pelo Brasileiro, o Fortaleza volta a campo dia 1º de julho, diante do Flamengo, no Maracanã, às 18h30 (horário de Brasília), pela 13ª rodada. No dia 2, domingo, o Atlético-MG fará o clássico com o América-MG, no Mineirão, a partir das 16h (de Brasília).

Pai sob ameaça de prisão, mansão interditada e desvalorização de R$ 800 milhões: o pesadelo de Neymar

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.