Futebol Em jogo sem grandes emoções, Atlético-GO e Corinthians empatam

Em jogo sem grandes emoções, Atlético-GO e Corinthians empatam

Duelo em Goiânia teve nível técnico bastante baixo. Gol do time paulista saiu através de um pênalti polêmico. Dois times seguem no meio da tabela

  • Futebol | Do R7

Fágner, do Corinthians, divide bola com Chico, do Atlético-GO

Fágner, do Corinthians, divide bola com Chico, do Atlético-GO

Carlos Costa/Futura Press/Folhapress 07.11.20

Tudo igual em Goiânia. Em um duelo sem grandes emoções e um time melhor em cada tempo, Atlético-GO e Corinthians ficaram no empate por 1 a 1, na noite deste sábado (7). O resultado acabou não sendo bom para ninguém.

Em um primeiro tempo bastante ruim, o time goiano saiu na frente com gol de Oliveira, de cabeça, após cobrança de escanteio. Na segunda etapa, o ritmo melhorou um pouco. E os paulistas empataram com Fábio Santos, em um pênalti bastante polêmico. Foi o primeiro gol do lateral desde a sua volta ao clube em que foi campeão mundial.

O resultado mantêm os times no meio da tabela do Brasileirão. Enquanto o Timão, com 25 pontos, assumiu a 9ª colocação, o Dragão, com dois a menos, é o 13º.

Na próxima rodada, as duas equipes atuam no sábado (14) e contra times bem classificados. Enquanto o Atlético visita o Flamengo no Maracanã, o Corinthians tem pela frente o Atlético-MG na Neo Química Arena.

ATLÉTICO-GO 1 X 1 CORINTHIANS

Local: Estádio Olímpico Pedro Ludovico, em Goiânia (GO)
Data-Hora: 7/11/2020 - 21h
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)
Assistentes: Leirson Peng Martins (RS) e Lucio Beiersdorf Flor (RS)
VAR: Caio Max Augusto Vieira (RN)
Cartões amarelos: Natanael, Gilvan e Oliveira (AGO) Gabriel, Otero, Xavier e Bruno Méndez (COR)
Gols:
Oliveira (41'/1ºT) (1-0), Fábio Santos (11'/2ºT)
ATLÉTICO-GO: Jean; Dudu, Oliveira, Gilvan e Nicolas (Natanael, aos 28'/2ºT); Willian Maranhão, Marlon Freitas e Matheus Vargas (Wellington Rato, aos 28'/2ºT); Gustavo Ferrareis, Chico (Matheuzinho, aos 35'/2ºT) e Zé Roberto (Junior Brandão, aos 39'/2ºT). Técnico: Eduardo Souza.
CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Marllon, Gil e Fábio Santos; Gabriel (Camacho, aos 18'/2ºT) e Xavier (Gustavo Silva, no intervalo); Ramiro (Éderson, aos 44'/2ºT), Luan e Otero (Everaldo, aos 18'/2ºT); Matheus Davó (Léo Natel, aos 37'/2ºT). Técnico: Vagner Mancini.

Messi e Cavani brilham; Bayern confirma 'freguesia' do Dortmund

Últimas