Libertadores

Futebol Diniz é expulso na estreia, mas Santos vence o Boca e vira vice-líder

Diniz é expulso na estreia, mas Santos vence o Boca e vira vice-líder

Vitória por 1 a 0 na Vila Belmiro coloca time com 6 pontos no Grupo C. Líder Barcelona tem 9. Próximo rival é The Strongest, em La Paz

  • Futebol | Felippe Scozzafave, do R7

Felipe Jonatan comemora gol na vitória do Santos sobre o Boca

Felipe Jonatan comemora gol na vitória do Santos sobre o Boca

Guilherme Dionizio/EFE 11.05.21

O Santos está mais vivo do que nunca na Libertadores. Após um início ruim, com duas derrotas em sequência, nesta terça-feira (11), o time bateu o Boca Juniors, na Vila Belmiro, por 1 a 0, e entrou na zona de classificação para a próxima fase.

O único gol do jogo foi marcado por Felipe Jonatan, no fim do primeiro tempo. Ele recebeu na área, driblou dois marcadores e bateu com categoria.

Fernando Diniz venceu 1º jogo pelo Santos

Fernando Diniz venceu 1º jogo pelo Santos

Guilherme Dionizio/EFE 11.05.21

O técnico Fernando Diniz, apesar de estrear com vitória, teve problemas logo no primeiro jogo, já que foi expulso após uma discussão com Miguel Ángel Russo, treinador do Boca, que também recebeu o vermelho.

A vitória deixa o Alvinegro com 6 pontos, mesma pontuação dos argentinos, mas leva vantagem graças ao saldo de gols. O líder é o Barcelona de Guayaquil, com 9.

Já eliminado do Campeonato Paulista, o Santos só volta a atuar na próxima terça-feira, quando visita o The Strongest na altitude de La Paz, pela 5ª rodada da Libertadores.

SANTOS 1 X 0 BOCA JUNIORS

Data: 11/02/2021, terça-feira
Local/Hora: Vila Belmiro, em Santos (SP), às 19h15
Árbitro: Christian Ferreyra (uruguaio)
Assistentes: Carlos Barreiro e Martín Soppi (ambos uruguaios)
Cartões amarelos: Jean Mota, Ângelo, Lucas Braga e Kaio Jorge (SAN) Buffarini (BOC)
Cartões vermelhos: Fernando Diniz (SAN) e Miguel Ángel Russo (BOCA)
GOLS: Felipe Jonatan (1-0)
SANTOS: João Paulo; Pará, Luan Peres, Kaiky e Felipe Jonatan (Copete); Jean Mota, Vinicius Balieiro e Gabriel Pirani; Ângelo (Madson), Lucas Braga e Marcos Leonardo. Técnico: Fernando Diniz
BOCA JUNIORS: Rossi; Federico Buffa, Lopez (Rojo), Isquierdoz e Fabra; Medina (Maroni), Varela e Almendra; Pavon, Tevez (Soldano) e Villa. Técnico: Miguel Ángel Russo

Adriano não se arrepende de sua trajetória: 'Desisti de milhões'

Últimas