Seleção brasileira

Futebol Derrota histórica: Brasil perde pela primeira vez jogando em casa pelas Eliminatórias

Derrota histórica: Brasil perde pela primeira vez jogando em casa pelas Eliminatórias

Invencibilidade como mandante vinha desde 1954; seleção tem ano com mais derrotas desde 2001

  • Futebol | Do R7

Gabriel Jesus lamenta derrota brasileira

Gabriel Jesus lamenta derrota brasileira

André Fabiano/Código19/Estadão Conteúdo - 21.11.2023

Chegou ao fim uma invencibilidade que durou 69 anos. A derrota da seleção para a Argentina no Maracanã, na noite desta terça-feira (22), é o primeiro revés brasileiro como mandante em jogos válidos pelas Eliminatórias da Copa do Mundo, torneio que disputa desde 1954.

A canarinha defendia uma impressionante série de 58 partidas sem ser derrotado jogando na condição de mandante, mas viu o recorde cair com a vitória da Argentina por 1 a 0, com do zagueiro Nicolás Otamendi, já no segundo tempo.

Com o resultado, o Brasil permanece na sexta colocação do torneio classificatório, na zona de classificação para o Mundial de 2026. O time de Fernando Diniz tem sete pontos conquistados em seis partidas, e perdeu as últimas três partidas, para Uruguai, Colômbia e Argentina.

Clique aqui e receba as notícias do R7 Esportes no seu WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo Telegram
Assine a newsletter R7 em Ponto

Recorde foi construído a partir de 1954

O Brasil disputou em 1954, pela primeira vez, as Eliminatórias para a Copa do Mundo. Em março daquele ano, jogou contra o Paraguai, no Maracanã, mesmo palco da derrota desta terça, e goleou por 4 a 1. A partir desta partida, o time construiu uma série impressionante, que durou quase sete décadas sem saber o que era ser derrotado jogando em território nacional.

Derrota também marca ano com mais derrotas desde 2001

O resultado desta terça também coloca mais uma marca negativa ocorrida sob comando de Fernando Diniz. A seleção chega a sua quinta derrota em 2023 - perdeu para Marrocos e Senegal (amistosos) e Uruguai, Colômbia e Argentina (Eliminatórias) - este é o maior número de revés em um único ano desde 2001.

No ano anterior ao pentacampeonato, a seleção teve oito derrotas, e viveu uma crise muito relevante, e acumulou vexames, como eliminação para Honduras na Copa América. 

Veja fotos da briga generalizada entre brasileiros e argentinos no Maracanã

Últimas