Futebol Deportivo Táchira faz história na Vila Belmiro e acaba com dois tabus

Deportivo Táchira faz história na Vila Belmiro e acaba com dois tabus

Time da Venezuela é o primeiro a vencer o Santos na história e também único a eliminar equipe brasileira em competição oficial 

  • Futebol | Do Live Futebol BR

Deportivo Táchira vibra na Vila Belmiro: classificados

Deportivo Táchira vibra na Vila Belmiro: classificados

Deportivo Táchira

O Deportivo Táchira acabou com dois tabus ao mesmo tempo no fim da noite desta quarta-feira (6): tornou-se o primeiro time venezuelano a vencer o Santos na história e única equipe daquele país a eliminar um elenco brasileiro em competição oficial.

Contra o Alvinegro Praiano, até então, o retrospecto era de 12 partidas: oito vitórias do Peixe e quatro empates.

O Táchira despachou o Santos em plena Vila Belmiro por 4 a 2 na cobrança de pênaltis após 1 a 1 no tempo normal. Foi a partida de volta das oitavas de final da Copa Sul-Americana. O duelo de ida, em 29 de junho, na Venezuela, havia ficado também em 1 a 1.

Bustos fala, Leonardo lamenta, torcida protesta

O atacante Marcos Leonardo, autor do gol santista, lamentou: "A torcida compareceu e não correspondemos. É levantar a cabeça, pedir desculpa". 

"Demonstramos valentia até o final. Nos sentimos fortes", procurou contornar o técnico Fabián Bustos na entrevista coletiva ao lado de Leonardo. Bustos negou que pedirá demissão.

Havia dúvida se o treinador estaria na coletiva porque balançava no cargo já antes da eliminação. Em 13 partidas até agora, o Peixe venceu apenas uma: 2 a 1 sobre o Juventude, em Caxias do Sul (RS), pelo Campeonato Brasileiro.

Até o começo da madrugada, o entorno da Vila Belmiro seguia sendo palco de protestos da torcida santista com fogos e gritos de protesto. Placas chegaram a ser arrancadas, inclusive ainda dentro do estádio. A Polícia Militar precisou intervir.

Futevôlei, baladas com parças e namoro assumido: veja como foram as férias de Neymar no Brasil

Últimas