Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

De pênalti, Neymar dá vitória para Brasil em amistoso contra Japão

Seleção ainda terá mais duas partidas antes da estreia na Copa do Mundo, contra a Sérvia, em 24 de novembro, no Catar

Futebol|Do R7

Neymar, de pênalti, marcou o seu 74º gol com a camisa da seleção brasileira
Neymar, de pênalti, marcou o seu 74º gol com a camisa da seleção brasileira Neymar, de pênalti, marcou o seu 74º gol com a camisa da seleção brasileira

A menos de seis meses da abertura da Copa do Mundo, a seleção brasileira ainda busca o melhor o entrosamento. Pela primeira vez com o quarteto Lucas Paquetá, Raphinha, Neymar e Vini Jr. entre os titulares, a equipe venceu a seleção japonesa nesta segunda-feira (6), por 1 a 0, no Estádio Nacional de Tóquio.

Neymar, de pênalti, marcou o seu 74º gol pela seleção brasileira, três a menos que Pelé contra seleções. O Rei do Futebol marcou ao todo, contra seleções, clubes e também combinados, 95 gols com a camisa verde-amarela.

Neymar sofreu com as entradas dos japoneses
Neymar sofreu com as entradas dos japoneses Neymar sofreu com as entradas dos japoneses

Em termos de resultado, o placar pode até ser comemorado pela comissão técnica comandada por Tite. O futebol apresentado, no entanto, deixou a desejar. A goleada contra a fraca Coreia do Sul, na última quinta, deixou uma falsa impressão de enorme superioridade.

O esperado time mais leve, mais ofensivo, menos preso à marcação, articulou boas jogadas, mas pouco chutou em gol na primeira etapa. Dribladores natos, Neymar, mais centralizado, e Vini Jr., pela ponta-esquerda, sofreram com as duras faltas do disciplinado time japonês. O goleiro Alisson pouco trabalhou no primeiro tempo.

Publicidade

Na volta do intervalo, o futebol seguiu sonolento para o fuso-horário brasileiro. Aos 17 minutos, Tite então desfez o quarteto de ataque e colocou Gabriel Martinelli e Gabriel Jesus nos lugares de Vini Jr. e Raphinha. Pouco tempo depois, Richarlison ganhou a vaga de Fred no meio-campo.

Leia também

Mas o gol saiu mesmo de pênalti. Endo derrubou Richarlison na grande área e, depois de alguma hesitação, o árbitro apitou. Na cobrança, aos 31 minutos, Neymar cobrou com a naturalidade de sempre e abriu o placar, comemorado também por muitos torcedores japoneses — 63 mil pessoas estavam nas arquibancadas.

Publicidade

A equipe pentacampeã ainda terá dois amistosos pela frente, em setembro, contra adversários ainda não definidos, antes da estreia na Copa. O Brasil está no Grupo G, ao lado de Sérvia (adversário em 24/11), Suíça (28/11) e Camarões (2/12).

Japão 0 x 1 Brasil

Publicidade

Data e hora: 6/6/2022, às 7h20 (de Brasília; 19h20 no horário local)

Local: Estádio Nacional, em Tóquio (JAP)

Árbitro: Alireza Faghani (IRA)

Assistentes: Ashley Beechan (IRA) e Anton Shchetinin (IRA)

VAR: Kurt Ams (IRA)

Cartões Amarelos: Endo e Kamada (JAP); Raphinha e Neymar (BRA)

Gols: Neymar (31’/2ºT, 0-1)

Japão (Técnico: Hajime Moriyasu): Gonda; Nagatomo (Yamane, 35'/2ºT), Yoshida, Itakura e Nakayama; Tanaka (Shibasaki, 36'/2ºT), Endo e Haraguchi (Kamada, intervalo); Ito (Doan, 27'/2ºT), Furuhashi (Maeda, 21'/2ºT) e Minamino (Mitoma, 27'/2ºT).

Brasil (Técnico: Tite): Alisson; Daniel Alves (Thiago Silva, 25'/2ºT), Marquinhos, Éder Militão e Guilherme Arana; Casemiro (Fabinho, 39'/2ºT), Fred (Richarlison, 25'/2ºT) e Lucas Paquetá (Bruno Guimarães, 39'/2ºT); Raphinha (Gabriel Jesus, 17'/2ºT), Neymar e Vini Jr (Gabriel Martinelli, 17'/2ºT).

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.