Futebol 'Cresci jogando bola na rua, mas era a única menina', relembra Cristiane

'Cresci jogando bola na rua, mas era a única menina', relembra Cristiane

Atleta das Sereias da Vila desde 2020, atacante de 36 anos se prepara para o Campeonato Brasileiro, que começa em março

  • Futebol | Do Live Futebol BR

Cristiane durante entrevista na tarde desta segunda-feira

Cristiane durante entrevista na tarde desta segunda-feira

Santos FC

A atacante Cristiane, do Santos, relembrou o começo de sua paixão pelo futebol ainda nos tempos em que vivia com a família em Osasco (SP). 

"Cresci jogando bola na rua, como a maioria das crianças, porém era a única menina. Ninguém gostava de tomar drible de menina. Tive essas dificuldades por conta de preconceito", disse. "A menina tinha que estar em casa lavando louça."

"Quebrei o paradigma de que a menina não poderia fazer as brincadeiras consideradas masculinas. Soltei pipa, rodei pião, joguei bolinha de gude... Eu ganhava boneca. Queria ganhar bola. Andava descalça o dia inteiro na rua."

As declarações foram feitas durante o programa Santos Cast, no canal do Peixe no YouTube. Transmitida no fim da tarde desta segunda-feira (21), a atração fica depois disponível na plataforma.

Aos 36 anos, a atleta é um dos principais nomes da modalidade no mundo e integra o elenco das Sereias da Vila desde janeiro de 2020.

O time se reforçou para a atual temporada e segue em treinamento para o Campeonato Brasileiro, a primeira competição do ano, com início marcado para 6 de março.

Últimas