Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Corinthians busca vencer primeira fora no Brasileiro em meio à crise nos bastidores

Com o pior ataque do campeonato e na zona de rebaixamento, time de António Oliveira enfrenta o Atlético-GO nesta terça-feira (11)

Futebol|Do Estadão Conteúdo

Corinthians de António Oliveira tem o pior ataque do Brasileirão (Rodrigo Coca/Agência Corinthians)

O Corinthians entra em campo pelo Campeonato Brasileiro às 19h desta terça-feira (11) para enfrentar o Atlético-GO, em Goiânia, em partida válida pela oitava rodada da competição. O time do Parque São Jorge busca a primeira vitória fora de casa para tentar amenizar a crise nos bastidores do clube.

Apesar da pausa no calendário — devido à data Fifa e os amistosos da seleção brasileira —, o noticiário do Corinthians permaneceu quente nos últimos dias. Na sexta-feira (7), a Vai de Bet, patrocinadora master do clube, solicitou a rescisão de contrato por causa da polêmica envolvendo pagamentos da intermediadora do acordo com uma suposta empresa ‘laranja’. Na mesma data, dois diretores ligados a uma chapa que apoiava o presidente Augusto Melo entregaram os cargos, colocando pressão no mandatário. Ele afirmou ter sido alvo de “traidores” e aguarda o resultado de inquérito da Polícia Civil.

Dentro das quatro linhas, as coisas não estão tão melhores assim. Depois de vencer com facilidade América-RN e Racing-URU, garantindo a classificação nas oitavas da Copa do Brasil e Sul-Americana, respectivamente, a equipe de António Oliveira não conseguiu ter a mesma desenvoltura contra o Botafogo e foi derrotada em casa, por 1 a 0. O resultado deixou o torcedor em dúvida sobre a capacidade de disputa do time no Brasileirão.

A preocupação do corintiano não é por menos. O time tem apenas uma vitória no campeonato e está na zona de rebaixamento, na 17ª colocação. A equipe balançou as redes apenas três vezes - justamente na vitória por 3 a 0 sobre o Fluminense - e soma apenas 5 pontos em 21 disputados. Diante do cenário apresentado, um resultado positivo fora de casa no confronto direto com o Atlético-GO se torna importante para mudar os ânimos da equipe.

Publicidade

Carlos Miguel é a principal dúvida de António Oliveira para definir os titulares. O goleiro, que assumiu a vaga de titular após as seguidas falhas do ídolo Cássio, que consequentemente decidiu deixar o clube para ir ao Cruzeiro, está sendo especulado no futebol inglês e já teria deixado claro à diretoria sua vontade de sair em julho - o presidente Augusto Melo afirma não haver propostas. Caso o arqueiro não vá a campo, Matheus Donelli deve ganhar a vaga.

O lateral-esquerdo Diego Palacios, fora há 110 dias por causa de lesão, foi relacionado e é novidade no banco de reservas. Fagner, machucado, e o zagueiro Félix Torres, convocado à seleção equatoriana, desfalcam a equipe. Wesley e Breno Bidon também retornam após período de treinos com a seleção brasileira sub-20.

Publicidade

Por sua vez, o Atlético-GO poderá contar com Luiz Fernando. Destaque do time goiano, o atacante conseguiu efeito suspensivo da punição imposta pelo STJD e estará à disposição do técnico Jair Ventura. Vagner Love, com passagem marcante pelo Corinthians, deve iniciar a partida no banco de reservas.

Corinthians e Atlético-GO já se enfrentaram 18 vezes na história, com 7 vitórias para os paulistas, 6 para os goianos e 5 empates. O time do Parque São Jorge não perde fora de casa para o adversário no Brasileirão desde 2010, quando duelaram pela primeira vez. O último encontro dos times pela competição foi em 2022, com triunfo corintiano em Goiânia, por 1 a 0, com gol de Gustavo Mantuan.

Publicidade

FICHA TÉCNICA:

ATLÉTICO-GO X CORINTHIANS

ATLÉTICO-GO - Ronaldo; Maguinho, Alix Vinícius, Adriano Martins e Guilherme Romão; Lucas Kal, Rhaldney, Gabriel Baralhas e Shaylon; Alejo Cruz (Vagner Love) e Luiz Fernando. Técnico: Jair Ventura.

CORINTHIANS - Carlos Miguel (Matheus Donelli); Matheuzinho, Gustavo Henrique, Cacá e Hugo; Raniele, Breno Bidon e Rodrigo Garro; Igor Coronado, Wesley e Yuri Alberto. Técnico: António Oliveira.

ÁRBITRO - Paulo Cesar Zanovelli (Fifa/MG).

HORÁRIO - 19h.

LOCAL - Estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO).

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.