Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esportes
Publicidade

'Vai levar tempo pra cicatrizar essa ferida', diz o goleiro Alisson

O atleta, de 30 anos, foi titular nas campanhas do Brasil nas Copas de 2018 e 2022

Copa do Mundo|Do R7


A eliminação nos pênaltis nas quartas de final da Copa do Mundo do Catar para a Croácia foi apontada pelo goleiro Alisson como a maior tristeza em sua carreira no futebol. O desabafo veio em uma mensagem escrita em suas redes sociais.

"Ainda muito difícil de lidar com essa derrota. Mas ao mesmo tempo sinto orgulho de ter feito parte desse grupo, que lutou e deixou tudo que tinha dentro de campo! O futebol que me deu muitas alegrias, também me deu tristezas, e essa a maior delas!", disse o goleiro, que também foi titular no Mundial da Rússia, em 2018.

Apesar de triste, o atleta, de 30 anos, promete voltar mais fortalecido. "Vai levar tempo pra cicatrizar essa ferida, mas ela vai cicatrizar. Seguiremos em frente, nos reconstruindo e nos fortalecendo ainda mais, porque no final das contas, é esse o efeito do fracasso em nós quando o encaramos frente a frente, nos fortalece!"

Por fim, Alisson agradeceu à torcida e disse que mantém a esperança de, daqui a quatro anos, tentar mais uma vez a conquista do hexacampeonato pela seleção. "Obrigado a todos que torceram por nós nessa Copa! O sonho continua vivo."

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.