Copa do Mundo Desde 1998, Croácia soma mais medalhas em Copas do que o Brasil e outras campeãs

Desde 1998, Croácia soma mais medalhas em Copas do que o Brasil e outras campeãs

Ano marcou a primeira participação dos croatas em Mundiais. A partir daí, a equipe conquistou ótimos resultados

Lance

Resumindo a Notícia

  • Pela terceira vez em seis participações, a seleção croata ficou entre as três melhores da Copa
  • Desde 1998, a equipe conquistou mais medalhas que seleções tradicionais no torneio
  • No período, a Croácia só não se classificou para a Copa do Mundo de 2010
  • Antes do Catar, a seleção foi a grande surpresa na Rússia
Com bronze no Catar, Croácia soma mais medalhas em Copas do que outras campeãs desde 1998

Com bronze no Catar, Croácia soma mais medalhas em Copas do que outras campeãs desde 1998

Reuters/Hamad I Mohammed

A Croácia venceu o Marrocos por 2 a 1 e ficou com o terceiro lugar na Copa do Mundo do Catar. Dessa forma, pela terceira vez em seis participações, a seleção croata ficou entre as três melhores em um Mundial.

Desde 1998, na primeira Copa disputada pelos croatas, após a dissolução da Iugoslávia e a integração à Fifa, eles conquistaram mais medalhas que seleções como Brasil, Argentina, Itália, Espanha e Holanda, o que comprova a ascensão do futebol croata no cenário mundial e a qualidade desta geração, liderada por Luka Modric.

Em 1998, a equipe contou com o brilhantismo de Suker, que terminou como artilheiro daquela edição, e chegou à semifinal. A seleção croata perdeu para a França na semi, mas superou a Holanda na disputa de terceiro e faturou o bronze em seu primeiro Mundial.

De lá até 2014, a Croácia só não se classificou para a Copa do Mundo de 2010, disputada na África do Sul. Em todas as outras três edições, a seleção croata parou na fase de grupos.

A grande mudança veio em 2018, na Rússia. Com muito talento e um ótimo trabalho de Zlatko Dalic, a seleção croata foi a grande surpresa na Rússia e avançou até a final, mas novamente a França pôs um ponto-final no sonho da Croácia, que foi derrotada por 4 a 2 e terminou com o vice-campeonato.

Vale o clique: Casa nova? Confira as estrelas da Copa que podem movimentar a próxima janela de transferências

No Catar, a Croácia terminou em segundo lugar no grupo com Marrocos, Bélgica e Canadá. No mata-mata, os croatas venceram o Japão e a seleção brasileira nos pênaltis, e pararam na semifinal, em que perderam por 3 a 0 para a Argentina.

O bronze foi muito festejado por Dalic, que declarou que a medalha tem sabor de ouro, e também pelos jogadores, que fizeram grande festa em campo após o apito final.

Mais medalhas em Copas do Mundo desde 1998

França: 4 medalhas (dois títulos, um vice e 2022, que pode ser prata ou ouro)
Alemanha: 4 medalhas (um título, um vice e dois bronzes)
Croácia: 3 medalhas (um vice e dois bronzes)
Brasil: 2 medalhas (um título e um vice)
Argentina: 2 medalhas (um vice e 2022, que pode ser prata ou ouro)
Holanda: 2 medalhas (um vice e um bronze)
Espanha e Itália: 1 medalha (um título)
Bélgica e Turquia: 1 medalha (um bronze)

A seguir, Lontras na Tailândia palpitaram sobre quem vai ganhar a Copa do Mundo:

Últimas