Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esportes
Publicidade

Conmebol faz homenagem a Pelé no Catar, mas ídolos brasileiros não comparecem

Entidade também propôs mudança em escudo da seleção para homenagear o rei do futebol, que está internado em SP

Copa do Mundo|Do R7


Pelé foi homenageado neste domingo pela Conmebol, mas nenhum ídolo brasileiro compareceu ao evento
Pelé foi homenageado neste domingo pela Conmebol, mas nenhum ídolo brasileiro compareceu ao evento

A Conmebol promoveu neste domingo (11), no Catar, uma homenagem à carreira de Pelé. O evento ocorreu no espaço montado pela entidade máxima do futebol sul-americano em Doha, no Catar, e contou também com uma sugestão de Alejandro Domínguez, presidente da confederação, para homenagear o rei do futebol com uma mudança no escudo da CBF. Curiosamente, o evento não teve a presença de nenhum ídolo brasileiro, apenas argentinos. 

Javier Zanetti e Nery Pumpido, ex-lateral e ex-goleiro da seleção argentina, estiveram no evento. Segundo a Conmebol, diversos ídolos brasileiros que estão no Catar como embaixadores da Copa do Mundo, como Cafu, Kaká, Ronaldo e Rivaldo, foram convidados mas não apareceram.

A proposta de Domínguez para o escudo da CBF é que sejam trocadas três das cinco estrelas da camisa da seleção por três corações, em homenagem a Pelé, que nasceu há 82 anos na cidade de Três Corações, em Minas Gerais.

Pelé está internado desde 29 de novembro no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, onde se recupera satisfatoriamente de uma infecção pulmonar, segundo os médicos.

Publicidade

"Como Conmebol, propomos à CBF que Pelé viva sempre na camisa de todos nós que amamos o futebol, que troquem três de suas estrelas por três corações. Para que todos saibam que, embora não tenha sido o único protagonista de três campeonatos mundiais, porque o futebol é um esporte de equipe, ele deu origem ao 'jogo bonito'. Queremos dar a ele esse reconhecimento em nome de onde Pelé vem, de onde nasceu o futebol e o 'jogo bonito' dos países que compõem a Conmebol. É um craque que já mora no coração de todos nós. Força e longa vida ao rei", afirmou Alejandro Domínguez.

"Pelé foi uma fonte de inspiração porque o número 10 nasceu com ele. A verdadeira camisa do craque, do ídolo, da estrela, do superdotado. A partir dele, torna-se uma fonte de inspiração, mas o Pelé é incomparável", acrescentou.

Publicidade

Fernando Sarney, brasileiro representante da Conmebol na Fifa, também deixou algumas palavras de carinho ao ex-jogador. "Muito emocionante essa homenagem neste momento em que se joga uma Copa do Mundo, torneio que o tornou o rei do futebol. Pelé é uma inspiração, um exemplo e o símbolo do meu país", comentou.

Por fim, o ex-jogador de futebol argentino Javier Zanetti também dedicou algumas palavras emocionadas a Pelé.

Publicidade

"É um orgulho e uma honra estar na homenagem a Pelé. Ele foi uma inspiração para todos nós que amamos o futebol. Tive a oportunidade de o conhecer pessoalmente e o que transmite é motivo de orgulho. Ele nunca divide, sempre une. E são esses valores que o futebol tem que transmitir. Como argentino, sempre o admirei por seu comportamento dentro e fora do campo. Desejo muita força a Pelé e sua família, porque precisamos que ele continue conosco", declarou.

Sete motivos para continuar vendo a Copa após a eliminação do Brasil

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.