Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Líderes da seleção argentina explicam "cano" em comemoração com a torcida: "Falta de segurança"

Equipe decidiu não comparecer a festa montada no Obelisco, em Buenos Aires

Copa do Mundo 2014|Do R7

Lavezzi, Di Maria, Messi e Mascherano preferiram permanecer na sede da AFA (Associação de Futebol Argentino)
Lavezzi, Di Maria, Messi e Mascherano preferiram permanecer na sede da AFA (Associação de Futebol Argentino) Lavezzi, Di Maria, Messi e Mascherano preferiram permanecer na sede da AFA (Associação de Futebol Argentino)

Apesar da decepção causada pela perda da final da Copa do Mundo, os torcedores argentinos estavam dispostos a celebrar a seleção do país na volta pra casa. Milhares deles, inclusive, se reuniram no Obelisco de Buenos Aires nesta segunda-feira (14) para saudar os vice-campeões. Os jogadores, porém, decidiram não aparecer.

A fim de não passar uma má impressão, os principais líderes do grupo, Lionel Messi, Javier Mascherano, Ezequiel Lavezzi e Marcos Rojo, usaram suas redes sociais para publicar um mesmo texto dando explicações. De acordo com a nota, o motivo do “cano” foram os distúrbios vividos na capital argentina horas após a decisão, com vandalismo e pelo menos 70 pessoas feridas:

Após vice da Argentina, ruas de Buenos Aires têm confrontos e vandalismo

Seleção da Alemanha volta para casa e torcida faz festa para tetracampeões em Berlim

Publicidade

— Queríamos esclarecer que devido a tudo que está sendo comentado sobre o fato de não termos ido ao Obelisco saudar as pessoas: agradecemos quem foi até (o aeroporto de) Ezeiza para nos receber e dar seu carinho como só os argentinos sabem fazer. Também quero esclarecer que não fomos ao Obelisco porque, devido aos incidentes de domingo à noite, ninguém garantiu segurança nem para nós nem para as pessoas que estavam lá. Devido a isto, não quisemos colocar em perigo a integridade física de ninguém. Alguns de nós ficamos no prédio da AFA (Associação de Futebol Argentino) e não saímos pelos fundos como muitos falaram. Desculpem todos pelo mal entendido e um infinito obrigado

Messi, Mascherano e Lavezzi, inclusive, publicaram uma foto deles e Di Maria na sede da AFA. Com apenas uma derrota, justamente para a Alemanha na final, a Argentina fez sua melhor campanha na Copa desde 1990, quando coincidentemente perdeu justamente para os germânicos na decisão.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.