Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Com titulares, Botafogo vai ao Mané Garrincha encarar o Boavista

Comissão técnica voltou atrás quanto ao planejamento e não utilizará mais equipe B no Campeonato Carioca

Futebol|Do Live Futebol BR

Botafogo em atividade no CT Lonier
Botafogo em atividade no CT Lonier Botafogo em atividade no CT Lonier

O Botafogo volta a campo pelo Campeonato Carioca na tarde deste domingo (5), às 16h (de Brasília), contra o Boavista, no Estádio Mané Garrincha, na capital federal. O duelo é válido pela sétima rodada da competição e os adversários chegam em situações bem diferentes na tabela.

Em seu último compromisso, o Glorioso ficou apenas no empate sem gols com o Nova Iguaçu, no Luso-Brasileiro, com time inicial formado pela maioria dos atletas considerados reservas. A atuação abaixo do esperado ligou o alerta do técnico Luís Castro, que, em entrevista coletiva, acabou revelando quebra no planejamento.

Precisando dar ritmo de jogo aos atletas, o Botafogo optou por seguir até o fim do Cariocão com o grupo principal. Em um primeiro momento, estava previsto uma mescla com a equipe B visando preparação em pré-temporada, algo que não foi cumprido por conta do calendário.

Leia também

Diante do Boavista, Luís Castro deve utilizar o 11 inicial que considera ideal para o clube no início do ano. Para o duelo, o português já tem o desfalque do atacante Carlos Alberto, que sofreu entorse no tornozelo direito com lesão ligamentar.

Publicidade

Do outro lado, o Boavista vai ao Mané Garrincha para tentar escapar da degola. Sempre apontado como uma das forças dentre os clubes de menor expressão, a equipe de Saquarema vem com campanha de último colocado e chega para o duelo após derrota para o Flamengo, por 1 a 0, no Maracanã.

FICHA TÉCNICA

Publicidade

BOAVISTA X BOTAFOGO

Local: Estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF)

Publicidade

Data e hora: domingo (5/2), às 16h

Árbitro: Matheus Carneiro Torres

Assistentes: Thiago Rosa Esposito e Wallace Muller Barros

Prováveis escalações

BOAVISTA - Fernando; Jairo, Kevem, Elivelton, Diogo Rangel e Peu; Israel, Ryan e Matheus Alessandro; Wandinho e Marcos Vinícius. Técnico: Leandrão.

BOTAFOGO - Lucas Perri; Rafael, Adryelson, Victor Cuesta e Marçal; Tchê Tchê (Marlon Freitas), Patrick de Paula, Gabriel Pires e Lucas Piazon; Victor Sá e Tiquinho Soares. Técnico: Luís Castro.

Filho de peixe, peixinho é! Filho de Dudu, do Palmeiras, ergue troféu no mesmo dia que o pai

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.