Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Com time misto, Botafogo só empata com o Defensa y Justicia pela Sul-Americana

Resultado deixa tudo em aberto para o jogo da volta, na próxima quarta-feira (30), na Argentina; assista aos melhores momentos

Futebol|Do Live Futebol BR


Nada foi decidido no estádio Nilton Santos, na noite desta quarta-feira (23). Preservando alguns titulares, o Botafogo só empatou com o Defensa y Justicia, da Argentina, por 1 a 1, pela primeira mão das quartas de final da Copa Sul-Americana.

 Compartilhe esta notícia no WhatsApp

 Compartilhe esta notícia no Telegram

Os dois times voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira (30), às 19h (horário de Brasília), no estádio Florencio Sola, em Banfield, na Argentina. Quem vencer avança à semifinal, enquanto um novo empate leva a decisão para os pênaltis.

Publicidade

Leia também

Botafogo saiu na frente, mas cedeu o empate para o Defensa y Justicia
Botafogo saiu na frente, mas cedeu o empate para o Defensa y Justicia

Fogão foi melhor

Com jogadores mais descansados, o Botafogo começou a partida em cima do Defensa y Justicia e criou algumas boas oportunidades. Faltou acertar a direção do gol. Já o time argentino viu Nicolás Fernández desperdiçar uma grande oportunidade ao cabecear pela linha de fundo.

Publicidade

Nos minutos finais da primeira etapa, o Fogão imprimiu um ritmo maior e só não foi para o intervalo na frente no placar porque Bologna fez duas boas defesas. Em uma delas, o goleiro foi buscar a finalização no ângulo de Lucas Fernandes.

Os gols

O segundo tempo começou quente. Nicolás Fernández exigiu uma boa defesa de Gatito Fernández e depois se envolveu em uma confusão com Luis Henrique. Aos 10 minutos, o Botafogo abriu o placar. Tchê Tchê recebeu de Diego Costa e cruzou para a área. Gabriel Pires cabeceou e viu a bola bater na trave antes de entrar.

A partida seguiu aberta, e o Botafogo poderia ter conseguido uma vantagem maior para a volta na Argentina. O castigo veio aos 32 minutos. Tripichio, que entrou no decorrer do segundo tempo, deixou tudo igual para o Defensa y Justicia, ao aproveitar um rebote de Gatito Fernández.

No finzinho do jogo, o Botafogo teve a chance de conquistar a vitória, mas Luis Henrique abusou da individualidade e finalizou nas mãos de Bologna. Diego Costa pedia livre dentro da área.

FICHA TÉCNICA

Botafogo 1 x 1 Defensa y Justicia

Local: estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)

Data e hora: quarta-feira (23), às 19h (de Brasília)

Arbitragem: Gery Vargas (Bolívia)

Auxiliares: José Antelo e Edwar Saavedra (ambos da Bolívia)

VAR: Carlos Orbe (Equador)

Gols: Gabriel Pires, aos 10'/2°T (Botafogo); Tripichio, aos 32'/2°T (Defensa y Justicia)

Botafogo: Gatito Fernández; Philipe Sampaio, Victor Cuesta e Hugo; Danilo Barbosa, Gabriel Pires (Júnior Santos), Tchê Tchê, JP Galvão (Marlon Freitas) e Lucas Fernandes (Janderson); Victor Sá (Luis Henrique) e Matheus Nascimento (Diego Costa). Técnico: Bruno Lage.

Defensa y Justicia: Bologna; Sant'Anna, Malatini, Cardona e Soto; Gutiérrez, Julián López e Barbona (Lucas Pratto); Solari (Tripichio), Togni e Nicolás Fernández (Bogarín). Técnico: Julio Vaccari.

Em Miami, filhos de Messi estudam na mesma escola de luxo que os filhos de Shakira e Piqué; veja fotos

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.