Futebol Com hat-trick de Luiz Adriano, Palmeiras atropela o Guaraní-PAR

Com hat-trick de Luiz Adriano, Palmeiras atropela o Guaraní-PAR

Atacante marcou três gols e conduziu a tranquila vitória no Allianz Parque. Time segue perfeito na Libertadores, com duas vitórias em dois jogos

  • Futebol | Do R7

Luiz Adriano comemora um de seus gols na vitória do Palmeiras

Luiz Adriano comemora um de seus gols na vitória do Palmeiras

MARCELLO FIM/ZIMEL PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

Dois jogos, duas vitórias, cinco gols marcados e apenas um sofrido. É assim a campanha do Palmeiras até aqui na Libertadores. Após bater o Tigre por 2 a 0 na estreia, a equipe recebeu o Guarani-PAR no Allianz Parque na noite desta terça-feira e conquistou mais um triunfo. Dessa vez, o grande herói foi Luiz Adriano, autor dos três gols da vitória por 3 a 1.

Com o resultado, o Alviverde chega aos 6 pontos, na liderança do Grupo B, três à frente do Bolívar-BOL, seu próximo adversário, na próxima quarta-feira.

O jogo
O Palmeiras começou o duelo com tudo. Com menos de 10 minutos, o goleiro Servio já tinha levado dos sustos. Logo aos 2, ele defendeu chute forte de Willian. Aos 7, Viña cabeceou e a bola passou por cima do gol.

Aos 17, foi o Guaraní quem ameaçou. Bobadilla recebeu cruzamento e cabeceou com estilo, obrigando bela intervenção de Weverton. Aos 30, o atacante recebeu na intermediária e arriscou. A bola subiu muito.

O Alviverde voltou a arriscar aos 34, em falta cobrada por Bruno Henrique. Aos 39, Rony marcou, mas foi flagrado em impedimento.

Na volta para a segunda etapa, o Palmeiras conseguiu o primeiro gol graças à qualidade de seus atacantes. Aos 7, após cobrança rápida de falta, Dudu cruzou na medida para Luiz Adriano, que ganhou a disputa da marcação e mandou a bola por baixo das pernas do goleiro.

E por muito pouco Rony não ampliou aos 14. O atacante recebeu cruzamento de Luiz Adriano, mas bateu para fora.

Nada que fizesse falta, já que aos 27 Luiz Adriano marcou o seu segundo. E justamente após uma bela enfiada de bola de Rony.

O camisa 10 Alviverde estava impossível. Aos 36, Luiz Adriano recebeu de Dudu e teve o trabalho apenas de completar para o gol e chegar ao hat-trick.

Aos 42, Bobadilla ainda diminuiu para o Guaraní. Nada que atrapalhasse a festa do torcedor palmeirense no Allianz.

PALMEIRAS 3 x 1 GUARANÍ-PAR
Data: 10 de março de 2020, terça-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Local: Allianz Parque, em São Paulo (SP)
Público: 28.267 pagantes
Renda: R$ 1.900.019,84
Árbitro: Roberto Tobar (Chile)
Assistentes: Christian Schiemann e Claudio Rios (ambos do Chile)
Cartões amarelos: Marcos Rocha e Gustavo Gómez (Palmeiras); Morel, Rodrigo Fernández, Edgar Benítez, Báez e Merlini (Guaraní)
Gols: Luiz Adriano, aos 7, aos 28 e aos 37 minutos do segundo tempo; Bobadilla, aos 42 minutos do segundo tempo
PALMEIRAS: Weverton; Marcos Rocha, Felipe Melo, Gustavo Gómez (Vítor Hugo) e Viña; Bruno Henrique, Ramires (Patrick de Paula) e Dudu; Rony, Willian (Zé Rafael) e Luiz Adriano. Técnico: Vanderlei Luxemburgo
GUARANÍ-PAR: Servio; Dávalos, Romaña, Báez e Guillermo Benítez; Ángel Benítez, Morel (Barrientos), Edgar Benítez (Merlini) e Rodrigo Fernández; Redes e Bobadilla. Técnico: Gustavo Costas

Ronaldinho não é primeiro! Lembre jogadores que já foram para cadeia

Últimas