Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Com 2 jogadores a mais, Atlético-MG vence o Paraná e encerra jejum

Paraná teve os atacantes Silvinho e Andrey expulsos e foi dominado pelo Galo, que venceu por 1 a 0, nesta quarta (14), pela 34ª rodada do Brasileirão

Futebol|Do R7


Já rebaixado, Paraná perdeu em casa para o Atlético Mineiro no Brasileirão
Já rebaixado, Paraná perdeu em casa para o Atlético Mineiro no Brasileirão

Um pênalti, um gol anulado e duas expulsões. Este foi o saldo da arbitragem na derrota do Paraná para o Atlético-MG por 1 a 0, em jogo disputado na noite desta quarta-feira (14), na Vila Capanema, em Curitiba, pela 34ª roada do Campeonato Brasileiro.

O time paranaense ficou com apenas nove jogadores em campo durante boa parte do segundo tempo e lutou muito para deixar a partida equilibrada.

Logo aos 11 minutos, Elias lançou Luan, que apareceu na cara do gol e bateu por cobertura na saída de Richard. O goleiro acertou a perna do atacante do Galo. Pênalti marcado e bem cobrado por Fábio Santos, que abriu o placar na Vila Capanema.

A bronca paranista cresceu aos 29 minutos, quando Silvinho reclamou da postura de Matheus Galdezani em um lance no campo de ataque do Paraná. Só que a arbitragem não gostou da postura do atacante e aplicou o cartão vermelho direto.

Publicidade

No fim do primeiro tempo, Fábio Santos aproveitou o rebote mando mais uma vez para o fundo da rede. No entanto, a arbitragem assinalou falta do zagueiro Leonardo Silva no goleiro Richard e invalidou o lance.

E logo no início do segundo tempo, nova polêmica e mais um cartão vermelho. Aos três minutos, o atacante Andrey se desentendeu com Matheus Galdezani e o árbitro aplicou o segundo amarelo no paranista, ao interpretar que ele deixou o braço no meio-campista do Galo.

Publicidade

Com a desvantagem numérica e no placar, o Paraná passou a se dedicar apenas a marcar e evitar uma derrota elástica. Embora o jogo tenha se tornado um monólogo do Atlético-MG, poucas chances reais surtiram. O jogador mais perigoso passou a ser o meia Terans, que em uma ocasião exigiu boa defesa do goleiro Richard e em outras duas mandou pela linha de fundo.

Com a vitória, o Atlético-MG encerrou um jejum de seis jogos sem vencer no Campeonato Brasileiro e se manteve no G6 do Campeonato Brasileiro, com 50 pontos. O Paraná, já rebaixado, segue com os 21 pontos.

FICHA TÉCNICA

PARANÁ 0 X 1 ATLÉTICO-MG

Local: Vila Capanema.

Data: Quarta-feira, 14 de novembro de 2018.

Horário: 21h.

Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (FIFA-RJ).

Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Corrêa (FIFA-RJ) e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ).

Público e renda: 1.610 presentes| R$ 22.940,00

Gol: Fábio Santos, de pênalti, aos 11`1ºT (0-1).

Cartões amarelos: Richard, Charles e Andrey (PRC); Emerson e Patric (CAM).

Cartões vermelhos: Silvinho e Andrey (PRC).

Paraná: Richard; Wesley Dias, Charles, Igor e Juninho; Leandro Vilela (Jhony), Alex Santana e Silvinho; Andrey, Rodrigo Carioca (Alesson) e Rafael Grampola (Keslley). Técnico: Dado Cavalcanti.

Atlético-MG: Victor; Emerson (Patric), Léo Silva, Maidana e Fábio Santos; Matheus Galdezani, Elias, Cazares, David Terans e Luan (Bruninho); Alerrandro (Denilson). Técnico: Levir Culpi.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.