Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

CBF se posiciona sobre gol de Lucas contra o Corinthians e divulga áudios do VAR

Wilson Seneme, presidente da Comissão de Arbitragem da confederação, e Péricles Bassols, gerente técnico do VAR, concordam que o lance foi regular 

Futebol|Do R7


Lucas Moura marcou o segundo gol do São Paulo contra o Corinthians
Lucas Moura marcou o segundo gol do São Paulo contra o Corinthians

O segundo gol do São Paulo na partida contra o Corinthians, feito por Lucas Moura, garantiu a ida do Tricolor à final da Copa do Brasil, mas dividiu opiniões na web. Torcedores do Timão apontaram um possível toque de mão do camisa 7. 

A CBF aproveitou o programa Papo de Arbitragem desta terça-feira (22) para esclarecer o lance. Com o áudio do VAR e todos os ângulos de câmera usados na checagem, o presidente da Comissão de Arbitragem da CBF, Wilson Seneme, e o gerente técnico do VAR, Péricles Bassols, concordam: o gol foi regular. 

"A equipe VAR, desde o início da checagem, está ativada para a possibilidade de mão. E ela tem que buscar, realmente, porque, se há um toque de mão, temos um gol de imediatez com toque de mão anterior, independentemente de ser intencional ou não. Ela faz todas as buscas, por todos os ângulos e em todas as possibilidades. Ela para em vários ângulos de possibilidade de contato, segue o jogo e não encontra, de fato, nenhum contato", diz Bassols.

E acrescenta: "Nesse caso, não encontraram o toque. Portanto, não há infração, e o gol foi mantido". 

Publicidade

Compartilhe esta notícia no WhatsApp

Compartilhe esta notícia no Telegram

Publicidade

Seneme então explica que o protocolo do VAR estabelece erro claro e óbvio do árbitro. Portanto, como não houve evidência de toque de mão, a decisão de campo foi mantida — Raphael Claus havia dado o gol. 

No áudio da cabine, os árbitros de vídeo afirmam que a bola bateu "no meio da perna do Cássio". Posteriormente, revisam um possível impedimento de Wellington Rato, que foi descartado. 

Por fim, verificam uma possível falta em Cássio, mas concluem que "não tem infranção no goleiro" e dão "gol confirmado".

Relembre jogadores que vieram com status de astro mas 'floparam' no Brasil

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.