Campeonato Paulista Sob desconfiança, Jô vai iniciar o ano como titular do Corinthians

Sob desconfiança, Jô vai iniciar o ano como titular do Corinthians

Sem pressa para fechar a contratação de um novo atacante, o Timão aposta no artilheiro para os primeiros desafios de 2022

Lance
Sem Cavani, Jô deve ser esperança de gols do Corinthians no início do ano

Sem Cavani, Jô deve ser esperança de gols do Corinthians no início do ano

Lance

O sonho de consumo do Corinthians nesta janela de transferências é contratar um "9 de peso" para fechar o time titular. Contudo, há três dias da reapresentação do elenco no CT Joaquim Grava, o Timão deve começar o ano com Jô sendo o principal centroavante da equipe.

Isso porque Ralf Rangnick, técnico do Manchester United, declarou publicamente o desejo de seguir contando com Cavani, principal desejo do Timão, até pelo menos o fim do contrato do uruguaio com os Red Davils, no dia 30 de junho.

No entanto, Cavani não é o único atacante uruguaio no radar do Timão. O Time do Povo monitora a situação de Luís Suárez, que não deve renovar com o Atlético de Madrid. Porém, ele não mostrou empolgação por atuar no futebol sul-americano.

Diego Costa, que está no Atlético-MG e com contrato válido até o final do ano, também é uma opção, mas, assim como Cavani e Suárez, só seria uma possibilidade viável em caso de ruptura de contrato com o Galo.

Com a situação dos três principais nomes indefinida, o Corinthians vai iniciar a pré-temporada apostando em Jô para ser a solução ofensiva da equipe.

Na temporada 2021, que começou no fim de fevereiro, ele mais uma vez foi o goleador máximo corintiano, com dez gols marcados somando todas as competições. Assim, o camisa 77 se sagrou artilheiro do Timão pela terceira vez nas últimas cinco temporada, sendo a segunda de forma consecutiva (2020 e 2021).

Problemas no extracampo

Apesar dos números, a temporada de Jô passou por diversas turbulências. O centroavante conviveu com lesões durante o ano que atrapalharam o seu desempenho. Mas foram as ações fora de campo que chamaram atenção.

Primeiro, em março, ele e o meia Otero foram flagrados, sem máscara, em um resort no interior de São Paulo, em meio a um surto de Covid-19 no elenco do Timão.

No final do ano, o camisa 77 estava sumido há três dias após uma festa de Douglas Costa, do Grêmio. Ele chegou a comunicar o fim do casamento com sua esposa, Cláudia Silva, mas na virada do ano, posou ao lado dela, desejando um feliz ano novo.

O primeiro desafio oficial do Timão em 2022 será dia 25 de janeiro, às 21h, na Neo Química Arena, contra a Ferroviária, pela 1ª rodada do Paulistão. A caminhada do Alvinegro na Libertadores deve começar na primeira semana de abril.

Viciado em videogame e fast food, joia de R$ 878 mi do Barça deve sair

Últimas