Campeonato Paulista Aos 41 anos, Ricardo Oliveira vai jogar a Série A2 pelo São Caetano

Aos 41 anos, Ricardo Oliveira vai jogar a Série A2 pelo São Caetano

Ex-atacante de Atlético-MG, Santos, e São Paulo não atua desde o primeiro semestre de 2021, quando defendeu o Coritiba

Atacante foi apresentado nesta segunda-feira (24) no Anacleto Campanella

Atacante foi apresentado nesta segunda-feira (24) no Anacleto Campanella

Divulgação/AD São Caetano

O São Caetano apresentou na tarde desta segunda-feira (24) o atacante Ricardo Oliveira, de 41 anos, que chega para comandar o ataque do Azulão na disputa da Série A2 do Campeonato Paulista 2022.

Oliveira é o segundo maior artilheiro em atividade no Brasil atualmente, com 377 gols, somente atrás de Fred, do Fluminense, que chegou aos 419. No entanto, já faz quase um ano que o ex-atacante de Santos e São Paulo balançou as redes pela última vez. Seu último gol foi em 25 de fevereiro do ano passado, pelo Coritiba, contra o Atlético-GO, em jogo do Brasileirão 2021.

“É um projeto ambicioso e eu sou ambicioso. Estou sendo desafiado novamente e isso me seduziu. Estou me preparando, dia após dia, mesmo há meses parado, como sempre fiz. Disciplina, foco, treino e cuidado é o que me faz estar aqui diante de vocês, com 41 anos", disse o atacante.

Além da destacada passagem pelo Peixe e do Coxa, seu último clube até então, Ricardo Oliveira também atuou por Portuguesa, São Paulo, Atlético-MG, Valencia-ESP, Betis-ESP, Zaragoza-ESP, Milan-ITA, Al Jazira-UAE e Al Wasl-UAE. Pela Seleção Brasileira, foi campeão da Copa América (2004) e Copa das Confederações (2005).

"Venho com uma bagagem de 21 anos como profissional, para agregar ao time, tanto dentro de campo, que é a prioridade, e fora de campo, ajudando os jovens que estão tendo suas primeiras oportunidades", revelou.

O Azulão, comandado pelo técnico Max Sandro, estreia na A2 na quarta-feira (25), às 15h, contra o Atlético Monte Azul, fora de casa. A estreia de Ricardo Oliveira ainda não está definida.

Veja fotos do jogo entre Novorizontino e Palmeiras

Últimas