Campeonato Carioca Romulo se declara ao Vasco: 'Um dos dias mais felizes da minha vida'

Romulo se declara ao Vasco: 'Um dos dias mais felizes da minha vida'

Volante de 30 anos retorna a São Januário após uma década. Foi na Colina onde ele viveu os melhores momentos da carreira

Lance
Romulo se apresentou ao Vasco nesta terça-feira

Romulo se apresentou ao Vasco nesta terça-feira

Lance

O ditado "o bom filho à casa torna" é conhecido. Mas às vezes o filho volta exalando felicidade. Pois foi uma enorme alegria que o volante Romulo nem fez questão de tentar esconder na entrevista coletiva de apresentação. Ou reapresentação, no início da tarde desta terça-feira (20).

"Hoje, quando cheguei aqui em São Januário, a sensação, o sentimento de alegria foi muito grande. Passou um filme do tempo em que eu morava aqui, olhava o time profissional treinar e sempre com a ambição de estar ali um dia com eles. Com trabalho e dedicação, conquistei isso, e não tem preço. (Hoje) É, com certeza, um dos dias mais felizes da minha vida. Sem dúvida, este é o clube onde fui mais feliz na minha vida", garantiu o meio-campista.

Hoje com 30 anos, Romulo foi campeão da Copa do Brasil com o Cruzmaltino e disputou mais de 100 jogos pelo clube. Passou por outros clubes do Brasil e de fora - estava na China mais recentemente. Teve problemas físicos, mas não só por conta deles nunca mais foi o jogador que chegou à seleção brasileira. Ele explica.

"O ponto principal vai ser me sentir feliz. Quando meu empresário chegou com a notícia de que o Vasco me queria de volta, eu nem pensei duas vezes. Foi o lugar em que eu fui mais feliz na minha vida. O sentimento de felicidade está muito grande. E se sentir abraçado é muito importante", pontuou.

A tendência é que Rômulo assuma, com o tempo, a titularidade na posição de primeiro volante. Dez anos atrás, ele jogou tanto como primeiro, quanto como segundo. Antes dele, Andrey, Galarza, Bruno Gomes e Caio Lopes são as opções do Cruzmaltino para a posição.

"Como eu falei, estou me sentindo muito bem fisicamente. Não tenho mais 20 anos, claro, mas chego com mais experiência, mais a agregar à garotada. Já passei o que eles estão vivendo. Em relação à parte física, vai depender da comissão técnica. Estou me empenhando demais para estar pronto e a ansiedade está demais", revelou.

Brasil no topo: conheça os elencos mais caros da Libertadores 2021

Últimas