Campeonato Carioca Record TV apresenta novidades para transmissões do Cariocão 2022

Record TV apresenta novidades para transmissões do Cariocão 2022

Estadual mais charmoso do Brasil será transmitido pela emissora em 21 estados na televisão aberta

O Cariocão Betfair 22 já começou. Com Mylena Ciribelli e Lucas Pereira na apresentação, e com o repórter Yuri Magalhães nas ruas do Rio de Janeiro, foram apresentadas todas as novidades das transmissões do estadual mais charmoso do Brasil. 

A Record TV transmite o Cariocão com exclusividade na TV aberta. A primeira partida acontece nesta quarta (26), às 21h30, com o confronto entre Flamengo e Portuguesa, pela primeira rodada da competição. 

Casimiro, Flow Podcast e outros influencers cariocas estiveram presentes na abertura do Cariocão

Casimiro, Flow Podcast e outros influencers cariocas estiveram presentes na abertura do Cariocão

Record TV

Diretor comercial da Ferj (Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro), Ricardo Di Sora trouxe algumas das inovações que estarão presentes nesta edição do Cariocão, além de destacar a força nacional do estadual mais charmoso do Brasil.

"Devido ao sucesso dos nossos clubes, o futebol carioca tomou uma dimensão nacional. Então o futebol do Rio de Janeiro consegue penetrar em todos os estados da federação. Junto com a parceria com a Record, a gente vai ter nosso campeonato distribuído em 21 estados, praticamente o país inteiro", comentou.

"Teremos Cariocão Play, a gente vai ter um canal de estatísticas, que vai ser uma inovação no futebol brasileiro, por meio da qual o torcedor vai poder obter todas as informações da partida", revelou Di Sora.

"O torcedor vai ter todos os veículos para poder consumir nosso campeonato. O nosso objetivo é democratizar, fazer um campeonato inclusivo, em que a gente possa atender todas as classes sociais, todas as faixas etárias, e com diversas linguagens. São diversas oportunidades que estamos dando para que o consumidor consiga consumir nosso campeonato da maneira que ele achar mais conveniente", afirmou o diretor comercial. 

Um produto melhor

Com mais opções para assistir ao Campeonato Carioca, é natural que novos públicos sejam atraídos para consumir o torneio estadual. Para Casimiro Miguel, fenômeno do streaming brasileiro, não se trata de "roubar" audiência, e sim de complementar. 

"Nós falamos a vários públicos que estão afastados da TV aberta, conhecem o trabalho da Record, uma emissora imensa, e muitas vezes esse público está afastado. Então essa conversa é muito legal. É a era da colaboração, a gente consegue fazer muito mais e muito melhor se todo mundo estiver junto na mesma página. A gente reúne os talentos e faz acontecer de uma maneira melhor", disse Casimiro.

Igor 3K, do Flow Podcast, comentou que essa troca entre diferentes públicos é uma via de mão dupla. "Todo mundo tem a ganhar, com certeza. A gente ainda é muito desacreditado, então fazer isso com uma TV aberta traz uma credibilidade interessante. E acho que a gente ajuda também a Record, levando nossa audiência a conhecer o trabalho da Record", afirmou.

Para Di Sora, o crescimento da audiência alavanca outros fatores que melhoram ainda mais as transmissões do espetáculo em campo. 

"A audiência crescendo, a gente transforma nosso campeonato num produto mais atrativo, para que as empresas vejam o Cariocão como uma grande plataforma de comunicação com o consumidor. Então todas as novidades vieram para somar, para ajudar o campeonato a chegar a um público mais jovem, com uma linguagem diferente, e coordenado com uma transmissão tradicional, da Record, com jornalistas que também vão ter que desenvolver novas linguagens, se modernizar, e isso é um desafio para todos", completou Di Sora. 

Raio-X: confira como chegam os clubes para o Cariocão 2022

Últimas