Campeonato Carioca Paraguai nega liberação, e Gatito desfalca o Botafogo na semifinal

Paraguai nega liberação, e Gatito desfalca o Botafogo na semifinal

Goleiro paraguaio foi convocado pelo técnico Guillermo Barros Schelotto para data pelas Eliminatórias da Copa do Mundo

Goleiro paraguaio Gatito Fernández em treino pelo Botafogo

Goleiro paraguaio Gatito Fernández em treino pelo Botafogo

Vítor Silva/Botafogo

O técnico da seleção paraguaia, Guillermo Barros Schelotto, afirmou em entrevista coletiva que não atendeu ao pedido do Botafogo quanto à liberação do goleiro Gatito Fernández. Desta forma, o arqueiro do Alvinegro irá desfalcar a equipe nas duas partidas contra o Fluminense, pela semifinal do Campeonato Carioca.

O Paraguai, já sem chances de ir à Copa do Mundo do Catar, recebe o Equador no dia 24, em Ciudad del Leste, e depois encara o Peru, no dia 29, em Lima. Os jogos do Botafogo contra o Tricolor das Laranjeiras acontecerão nos dias 21 (segunda-feira, dia da apresentação de Gatito ao grupo da seleção) e 27 (domingo). 

"Não há nada mais importante do que a seleção paraguaia para nós, e respeitar os regulamentos. Todo jogador que quer estar na nossa seleção tem que que respeitar as regras e colocar acima de tudo nossa seleção. Falei com Roberto (Gatito), ele vai vir. Isso serve para ele e para qualquer jogador. Respeitamos os tempos, não o convocamos quando não é data Fifa, mas quando é data Fifa, é a seleção até a morte", afirmou Schelotto, em entrevista coletiva.

Sem Gatito Fernández, o técnico interino Lúcio Flávio tem à disposição o jovem Diego Loureiro, titular na última Série B do Brasileiro, e Douglas Borges, que chegou ao clube no início de 2021 e carrega atualmente o status de terceira opção. O Glorioso recebe o Fluminense na próxima segunda-feira, às 20h, no Estádio Nilton Santos.

Últimas