Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esportes NO REFRESH
Publicidade

Diniz é elogiado na Espanha após título: 'Futebol que há muito tempo não se via na América'

O Fluminense, treinado pelo técnico, reverteu o placar de 2 a 0 do jogo de ida contra o Flamengo e venceu o Campeonato Carioca

Campeonato Carioca|Do R7

Fernando Diniz entrou no comando do Fluminense em abril de 2022
Fernando Diniz entrou no comando do Fluminense em abril de 2022 Fernando Diniz entrou no comando do Fluminense em abril de 2022

Fernando Diniz vive o melhor momento de sua carreira à beira do gramado. O ex-treinador do São Paulo atualmente faz o Fluminense jogar um futebol vistoso, que pôde ser observado na goleada por 4 a 1 sobre o Flamengo, no domingo (9), que garantiu o título do Campeonato Carioca ao Tricolor das Laranjeiras. A boa exibição da equipe rendeu elogios ao técnico fora do país e "ofuscou" até mesmo a boa estreia de Marcelo como titular.

Segundo o diário espanhol As, Diniz faz o Fluminense jogar um "futebol que há muito tempo não se via na América do Sul". O jornal destacou a movimentação constante dos jogadores e a paciente troca de passes curtos "com todo o bom senso do mundo" para encontrar o companheiro mais bem posicionado para a finalização.

A publicação destaca ainda o caráter menos posicional do time carioca e afirma que os jogadores do Fluminense têm liberdade para atuar em diversos setores do campo. Ganso, Cano, Arias, André e, é claro, Marcelo foram destacados como as principais peças que o treinador tem à disposição.

Ganso, que também trabalhou no São Paulo, assim como Diniz, recuperou o seu bom futebol com a chegada do treinador às Laranjeiras. O periódico espanhol descreveu a assistência para o segundo gol do Fluminense, marcado por Cano, como "mágica". O meia, de 33 anos, chegou ao Tricolor carioca em 2019, mas sua melhor fase se deu somente na temporada passada, quando ajudou a equipe a ficar com o vice do Brasileirão.

Publicidade

Em setembro do ano passado, o jornal Marca mencionou que Diniz seria o preferido da CBF para a sucessão de Tite após a Copa do Mundo do Catar. A federação negou a informação à época e ainda busca um profissional para o cargo. O nome mais cotado é o do italiano Carlo Ancelotti, do Real Madrid.

De norte a sul: confira quem são campeões estaduais de 2023

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.