Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esportes NO REFRESH
Publicidade

Boavista recupera 3 pontos e Volta Redonda está rebaixado no Carioca

Verdão conseguiu reverter parte da pena por escalação irregular e não pode mais ser superado pelo Voltaço no número de vitórias

Campeonato Carioca|Do Live Futebol BR


Ex-gerente de futebol, Wilson Leite assumiu como técnico interino do Voltaço
Ex-gerente de futebol, Wilson Leite assumiu como técnico interino do Voltaço

Reviravolta no Cariocão 2022. No dia em que completou aniversário de 18 anos, o Boavista ganhou um belo presente. Em julgamento realizado no Pleno do TJD-RJ (Tribunal de Justiça Desportiva do Rio de Janeiro) na última quinta-feira (10), o clube de Bacaxá conseguiu recuperar 3 dos 7 pontos que havia perdido pela escalação irregular do volante Ryan Guilherme nos jogos contra Vasco e Flamengo. Com isso, fica com 8 pontos e escapa do rebaixamento.

Sobrou para o Volta Redonda que, na lanterna do estadual com 5 pontos ganhos, pode até empatar com o Boavista no número de pontos, mas perderia no critério de desempate que é o número de vitórias (3 a 1 neste momento). Desta forma, o Voltaço está na segunda divisão.

Leia também

Os dois times jogam neste sábado (12), no mesmo horário, às 16h. O Voltaço encara a Portuguesa-RJ no Luso-Brasileiro, enquanto que o Boavista recebe o Fluminense, que já garantiu o título da Taça Guanabara e está com a cabeça no jogo de volta da pré-Libertadores, contra o Olimpia (Paraguai).

Vale ressaltar que a decisão do Pleno do TJD-RJ cabe recurso na terceira e última instância, que é o STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva). Acontece que o Volta Redonda não pode recorrer porque não está anexado ao processo como parte interessada. Outra reviravolta no caso só poderia partir de Nova IguaçuBangu e Madureira, que são os times anexados como terceiros interessados.

Publicidade

Relembre o caso

Madureira e Bangu acionaram o TJD-RJ para que fosse analisada possível infração por parte do Boavista na escalação de Ryan.

Publicidade

O jogador foi expulso na última rodada da Taça Guanabara do ano passado, no dia 24 de abril de 2021, quando recebeu cartão vermelho direto no duelo contra a Portuguesa-RJ. Um mês depois, a Comissão Disciplinar do TJD-RJ decidiu suspender o atleta por cinco partidas.

Ryan Guilherme foi emprestado ao Fortaleza no ano passado
Ryan Guilherme foi emprestado ao Fortaleza no ano passado

Após o último estadual, Ryan foi para o Fortaleza, mas voltou em 2022 para defender o clube de Saquarema, sendo escalado como suplente (e entrando em campo) já na segunda rodada do estadual do Rio, contra o Vasco, e depois na terceira, contra o Flamengo.

Na quarta rodada, quando Madureira e Bangu já tinham protocolado o pedido junto ao TJD-RJ, Ryan não foi escalado. Em sua defesa, o Boavista afirmou que o atleta cumpriu a suspensão nos jogos do sub-20, argumento esse que não foi acatado pelo TJD-RJ no primeiro julgamento.

A defesa recorreu e o Pleno do TJD entendeu que, por se tratar de uma competição organizada pela mesma Federação (no caso, a do Ferj), o volante teria, sim, cumprido jogos de suspensão no sub-20. Com isso, restando uma partida a cumprir da punição, não poderia ter entrado em campo contra o Vasco, mas já estava livre quando enfrentou o Flamengo.

Assim, o Boavista não conseguiu recuperar os quatro pontos de punição no empate contra o Cruzmaltino, mas recuperou os três que havia perdido na derrota para o Mengão.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.