Campeonato Brasileiro

Futebol Botafogo traz novo gestor para o Estádio Nilton Santos

Botafogo traz novo gestor para o Estádio Nilton Santos

Com experiência na Copa América, Alexandre Barros assume a gestão do Engenhão, que teve lucro de R$ 600 mil no último jogo

  • Futebol | Do Live Futebol BR

Mais de 34 mil pessoas acompanharam o empate de 1 a 1 entre Botafogo e Juventude

Mais de 34 mil pessoas acompanharam o empate de 1 a 1 entre Botafogo e Juventude

Vítor Silva/Botafogo (01.05.2022)

O Botafogo deve anunciar em breve mais um reforço. Só que desta vez, o investimento do empresário John Textor é fora de campo.

De acordo com o jornalista Thiago Franklin, o clube carioca acertou a contratação de Alexandre Barros para assumir o posto de gerente geral de estádio e serviços, sendo o responsável pelo Estádio Nilton Santos, o Engenhão.

No currículo de Barros está a experiência de gestão da Amsterdam Arena, casa do Ajax, na Holanda, além da participação na organização operacional da Copa América de 2019, realizada no Brasil. A ideia do clube é que o novo profissional potencialize as receitas do Nilton Santos, que vem recebendo bons públicos em jogos do Botafogo e shows neste ano.

Na última partida, inclusive, no domingo (1) pela manhã, mais de 34 mil pessoas acompanharam o empate do Alvinegro por 1 a 1 com o Juventude pelo Brasileirão. Na ocasião, o clube lucrou mais de R$ 600 mil com a bilheteria.

A renda bruta do Botafogo foi de R$ 1.201.275,00. Tirando os custos, que ficaram em R$ 580.087,41 (sendo R$ 228.703,03 só com gastos operacionais do estádio), o lucro exato foi de R$ 621.187,59.

Essa foi a segunda vez seguida que o clube carioca lucrou no Brasileirão. Na estreia, quando perdeu de 3 a 1 para o Corinthians, o Botafogo colocou nos cofres R$ 769.707,68.

Garagem de Tom Brady conta com Bugatti de mais de R$ 15 milhões

Últimas