Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Botafogo empata na estreia de Bruno Lage e vai às oitavas da Sul-Americana

Após a vitória por 2 a 0 na Argentina, o Glorioso ficou no 1 a 1 no Nilton Santos e vai enfrentar o Guaraní, do Paraguai

Futebol|Do Live Futebol BR


Na estreia de Bruno Lage, o Botafogo confirmou a esperada classificação às oitavas de final da Copa Sul-Americana. Após a vitória por 2 a 0 na Argentina, o Glorioso poupou titulares e empatou em 1 a 1 no Nilton Santos, resultado suficiente para garantir a vaga.

 Compartilhe esta notícia no WhatsApp

· Compartilhe esta notícia no Telegram

Com a classificação, o Botafogo vai enfrentar o Guaraní nas oitavas de final. O clube paraguaio foi o líder do Grupo B, que também teve Emelec, Danubio e Huracán. As partidas acontecem nas duas primeiras semanas de agosto, com o Nilton Santos recebendo o jogo de ida, entre os dias 1º e 3 de agosto.

Publicidade

Leia também

Favorito, o Glorioso precisou de apenas dois minutos para abrir o placar, com Luis Henrique. Após uma grande jogada individual pela ponta direita, com direito a "drible da vaca", Janderson tocou para o camisa 11 finalizar na área e marcar seu segundo gol de julho.

O Glorioso perdeu chances boas no início do segundo tempo, com direito a uma bola na trave de Janderson, aos sete minutos, mas foi o Patronato que marcou. Aos 21, Arce recebeu de Domingo e finalizou cruzado, no canto de Gatito Fernández, e empatou o placar.

Publicidade

Nos acréscimos, o Botafogo escapou por pouco da derrota. Chamorro cruzou, e Sosa marcou o que seria o gol da virada, mas a arbitragem acusou posição irregular do camisa 10 na origem do lance e marcou impedimento, mantendo o placar empatado.

FICHA TÉCNICA

Publicidade

Botafogo 1 x 1 Patronato-ARG

Local: estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)

Data e hora: quarta-feira (19), às 19h

Árbitro: Kevin Ortega (PER)

Assistentes: Michael Orué (PER) e Jesús Martín Sánchez Cabrera (PER)

Árbitro de vídeo: Carlos Orbe (EQU)

Gol: Luis Henrique, aos 2'/1°T (Botafogo); Arce, aos 21'/2°T (Patronato)

Botafogo: Gatito Fernández; Di Plácido, Phelipe Sampaio, Cuesta e Hugo; Danilo Barbosa, Tchê Tchê (Lucas Fernandes), Sauer (Breno) e Matías Segovia (Júnior Santos); Luis Henrique (Diego Hernández) e Janderson (Carlos Alberto). Técnico: Bruno Lage

Patronato: Budiño; Novero (Cáceres), Domingo, Ojeda, Ghiraldello e Cobos (Barinaga); Vázquez, Chamorro; Peryra (Arce), Díaz (Sosa) e González (Solís). Técnico: Rodolfo de Paoli

Campeão de Wimbledon, Alcaraz fatura milhões, mas vive com os pais em cima de loja de kebab

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.