Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Bahia vence o América-MG e deixa a zona de rebaixamento do Brasileirão

Esquadrão de Aço joga bem e volta a vencer no campeonato; Coelho segue na lanterna, com apenas dez pontos

Futebol|Do R7

Thaciano comemora gol do Esquadrão
Thaciano comemora gol do Esquadrão Thaciano comemora gol do Esquadrão

Neste domingo (6), o Bahia venceu o América-MG, por 3 a 1. A partida aconteceu na Arena Fonte Nova, em Salvador, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os gols do Tricolor foram marcados por Everaldo, Cauly e Rafael Ratão. Mastriani descontou.

Com o resultado, o Bahia deixa a zona de rebaixamento. O time sobe para a 16ª colocação, com 18 pontos. Enquanto isso, o América-MG é o lanterna, com 10 pontos.

· Compartilhe esta notícia no Whatsapp

· Compartilhe esta notícia no Telegram

Publicidade

O jogo começou bastante movimentado, principalmente pelo lado dos donos da casa. Logo no primeiro minuto, Ratão recebeu, girou e finalizou em cima da defesa do América. O Tricolor, aos 11, teve mais uma chance. Em contra-ataque, Ademir recebeu cruzamento e cabeceou para trás. A bola foi desviada.

O Bahia seguiu pressionando e buscando oportunidades de balançar as redes. Aos 13, Camilo Cándido finalizou colocado e mandou ao lado da meta. Ademir e Cauly também tentaram na sequência.

Publicidade

O América tentou responder. Aos 15, de dentro da área, Felipe Azevedo finalizou se primeira. Porém, Marcos Felipe saltou para fazer a defesa. Nicolas também tentou, mas parou no goleiro.

Gol!

Depois de muitas tentativas, o gol do Bahia saiu aos 25. Em bela jogada de Camilo Cándido, dando uma caneta e cruzando rasteiro para Everaldo. O camisa 9 finalizou de primeira, de canhota. O chute foi no canto de Pasinato e morreu no fundo das redes.

Publicidade

Aos 37, o Bahia teve mais uma chance de ampliar o marcador. Na jogada, Cauly cruzou para Everaldo, que finalizou forte. O chute foi por cima do gol. Cinco minutos depois, o camisa 9 finalizou, mas a bola morreu na linha de fundo.

Na segunda etapa, o América-MG esboçou uma reação. Aos 6, Benítez cobrou falta na área. Mastriani, livre dentro da área, cabeceou para baixo, estufando as redes. Após checagem do VAR, o gol foi confirmado.

O Bahia não ficou no empate por muito tempo. Aos 14, em retomada no meio de campo, Cauly recebeu de Rezende, avançando sozinho e invadiu a área. O meia finalizou cruzado. A bola bateu na trave e entrou.

Complicou para o coelho

A partida ficou complicado para o Coelho. Aos 19, Burgos foi expulso após receber o segundo amarelo. O Bahia ainda ampliou o marcador pouco tempo depois. Aos 23, Rafael Ratão finalizou e marcou, mas, após impedimento, o tento foi anulado.

Um minuto depois, o Bahia conseguiu o 3 a 1. Cauly entrou na área e tocou para o meio. Ratão dominou e chutou. A finalização quicou no gramado e entrou.

Ficha técnica

BAHIA 3 x 1 AMÉRICA-MG

Campeonato Brasileiro - 18ª rodada

Local: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)

Data e hora: 06 de agosto de 2023, às 18h30 (horário de Brasília)

Árbitro: Matheus Delgado Candançan (SP)

Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (FIFA-SP) e Daniel Luis Marques (SP)

VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (VAR-FIFA-SP)

Cartões amarelos: Ademir, Vitor Jacaré, Léo Cittadini e Vitor Hugo (Bahia); Burgos, Juninho, Benítez e Mastriani (América-MG)

Cartões vermelhos: Burgos (América-MG)

GOLS: Everaldo, aos 25’/1°T (1-0); Mastriani, aos 6’/2°T (1-1); Cauly, aos 14’/2°T (2-1); Rafael Ratão, aos 25'/2ºT

BAHIA: Marcos Felipe; Gilberto (Cicinho, aos 29’/2°T), Kanu, Vitor Hugo e Camilo Cándido (Matheus Bahia, aos 34’/2°T); Rezende, Cauly e Thaciano (Yago Felipe, aos 29’/2°T); Ademir (Vitor Jacaré, aos 29’/2°T), Rafael Ratão (Léo Cittadini, aos 39’/2°T) e Evera.

Técnico: Renato Paiva

AMÉRICA-MG: Mateus Pasinato; Daniel Borges (Rodriguinho, aos 32’/2°T), Burgos, Éder e Nicolas; Javier Méndez (Iago Maidana, aos 26’/2°T), Juninho e Emmanuel Martínez; Felipe Azevedo (Benítez, aos 42’/1°T), Mastriani (Paulinho Bóia, aos 27’/2°T) e Pedrinho (Everaldo, aos 32’/2°T).

Técnico: Vagner Mancini

Campeão do 1º turno, Botafogo está perto de conquistar o título do Brasileirão?

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.