Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Athletico vence com autoridade e passa de fase em primeiro lugar do grupo na Libertadores; assista

Furacão bate o lanterna, Alianza Lima, por 3 a 0, na Ligga Arena; Vitor Roque marcou duas vezes

Futebol|Do R7


Na noite desta terça-feira (27), na Ligga Arena, o Athletico-PR manteve o bom momento na temporada e venceu o Alianza Lima pela última rodada da fase de grupos da Libertadores por 3 a 0. Os gols foram feitos por Vitor Bueno e, duas vezes, por Vitor Roque.

Com o resultado, enquanto o Furacão carimbou sua classificação em primeiro lugar no Grupo G, o clube peruano ficou na lanterna da chave, com quatro unidades, e não terá calendário continental no segundo semestre.

Vitor Bueno e companhia comemoram gol do Furacão
Vitor Bueno e companhia comemoram gol do Furacão

Apesar de o confronto ter começado em ritmo mais estudado, sem o volume de jogo habitualmente mais intenso aplicado pelo Athletico-PR, bastou uma elaboração mais detalhada na troca de passes ofensiva para Vitor Bueno abrir a contagem na capital paranaense.

Recebendo passe de Vitor Roque próximo à meia-lua, o camisa 8 bateu com muita categoria, mandando no extremo canto esquerdo de Angelo Campos, que viu a bola bater em sua trave esquerda antes de balançar as redes.

Publicidade

Precisão em baixa

Se a eficiência marcou os primeiros minutos da partida, o mesmo não pode ser dito do restante da etapa inicial para ambos os lados.

O Alianza até se mostrava mais insinuante quando conseguia armar lances pelas laterais para explorar a bola aérea, mas tinha dificuldade em finalizar.

Publicidade

Por sua vez, o Furacão pecou no aspecto da pontaria em pelo menos duas oportunidades, em que Canobbio teve espaço e bateu cruzado pela linha de fundo, além de Pedro Henrique, em cobrança de escanteio, que testou perto do lado esquerdo da meta defendida por Campos.

Uma ele deixou passar

Autor de três gols nos últimos três jogos e artilheiro da temporada no Athletico, Vitor Roque teve um índice bem menor de oportunidades do que em outros compromissos na temporada.

Publicidade

Entretanto, no começo do segundo tempo, o camisa 9 recebeu excelente bola enfiada em jogada de contra-ataque em que, na hora de driblar Angelo Campos, o arqueiro do Alianza Lima tocou com a mão na bola e evitou o que seria o segundo tento dos anfitriões na partida.

Mas não duas!

O fenômeno Vitor Roque marcou duas vezes
O fenômeno Vitor Roque marcou duas vezes

Mais inteiro fisicamente e começando a se destacar no volume de jogo, o rubro-negro passou a acumular oportunidades mais claras de finalização, e, em outra esticada, Vitor Roque não deixou uma nova chance escapar. Ganhando na velocidade da marcação, o atacante ficou frente a frente com Campos e tocou rasteiro, no lado esquerdo, fazendo 2 a 0 para os donos da casa.

Teve tempo para o doblete

Na reta final do compromisso, o ambiente demonstrava um Alianza Lima mais "entregue" no confronto, apesar das tentativas de reter a bola no plano ofensivo em busca de reação que não se consolidava. Por outro lado, mesmo sem acelerar tanto na armação de jogadas, o Athletico encontrou espaço para Khellven usar o lado direito ofensivo para cruzar rasteiro, e Vitor Roque, antecipando a marcação, tocar para o fundo das redes adversárias. 3 a 0, placar final na Ligga Arena.

FICHA TÉCNICA

ATHLETICO PARANAENSE 3 x 0 ALIANZA LIMA

Local: Ligga Arena, Curitiba (PR)

Data e horário: 27 de junho de 2023, terça-feira, às 19h (de Brasília)

Árbitro: Alexis Herrera (VEN)

Assistentes: Jorge Urrego e Lubin Torrealba (ambos VEN)

VAR: Juan Soto (VEN)

Cartões amarelos: Zé Ivaldo (CAP); Míguez, Jesús Castillo (ALI)

Cartões vermelhos: /

Gols: Vitor Bueno, aos 7'/1°T (1-0), Vitor Roque, aos 17' e aos 42'/2°T (2-0)

Athletico Paranaense: Bento; Pedro Henrique, Thiago Heleno (Matheus Felipe, aos 35'/2°T) e Zé Ivaldo; Khellven, Erick, Fernandinho (Hugo Moura, aos 43'/2°T) e Christian; Vitor Bueno (Alex Santana, aos 16'/2°T), Canobbio (Terans, aos 16'/2°T) e Vitor Roque (Marcelo Cirino, aos 44'/2°T).

Técnico: Wesley Carvalho

Alianza Lima: Ángelo Campos; Vilchez, Míguez (Chávez, no intervalo), Santiago García e Lagos; Ballón, Jesús Castillo e Concha; Reyna (Zanelatto, aos 21'/2°T), Aldair Rodríguez (Cueva, aos 11'/2°T) e Barcos (Sabbag, aos 29'/2°T).

Técnico: Guillermo Salas

Unidas por Marta! Entenda por que a Copa de 2023 pode ser ainda mais especial para a Rainha

" gallery_id="6499d78643527fe7300009c0" url_iframe_gallery="esportes.r7.com/futebol/athletico-vence-com-autoridade-e-passa-de-fase-em-primeiro-lugar-do-grupo-na-libertadores-assista-28062023"]

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.