Futebol Abel Ferreira se isola como segundo maior técnico em número de títulos no Palmeiras

Abel Ferreira se isola como segundo maior técnico em número de títulos no Palmeiras

Técnico português chegou a nove conquistas no total, ultrapassando Vanderlei Luxemburgo

  • Futebol | Do Live Futebol BR

Abel Ferreira é o técnico do Palmeiras

Abel Ferreira é o técnico do Palmeiras

Cesar Greco/Palmeiras - 03.12.2023

Após a confirmação do título brasileiro em 2023, Abel Ferreira se isolou como segundo maior técnico em número de conquistas pelo Palmeiras. O português agora soma nove títulos, um a mais do que Vanderlei Luxemburgo e um a menos do que Oswaldo Brandão.

Clique aqui e receba as notícias do R7 Esportes no seu WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo Telegram
Assine a newsletter R7 em Ponto


Abel venceu duas Libertadores (2020 e 2021), uma Recopa Sul-Americana (2022), dois títulos no Campeonato Brasileiro (2022 e 2023), uma Copa do Brasil (2020), dois títulos de Campeonato Paulista (2022 e 203), além de uma Supercopa do Brasil (2023).

Primeiro português, oitavo europeu e 23º estrangeiro a assumir o comando do Palmeiras na história, Abel Ferreira iniciou a carreira de técnico na equipe sub-19 do Sporting, de Portugal, em 2011/2012, conquistando o título nacional da categoria já em sua primeira experiência no cargo.

Subiu para o time B do Sporting na temporada 2013/2014 e foi contratado pelo Braga B, em 2015. Dois anos depois, foi promovido a treinador da equipe principal do Braga e, logo na temporada de estreia na elite do Campeonato Português, em 2017/2018, levou o time à quarta posição, com uma campanha recorde em pontos (75), gols (74) e vitórias (24).

Depois de alcançar novamente a quarta colocação com o Braga, transferiu-se ao Paok, da Grécia, e obteve o vice-campeonato nacional em 2019/2020, garantindo vaga para a fase eliminatória da Liga dos Campeões, quando eliminou o Benfica, do ex-técnico flamenguista Jorge Jesus, antes de se aventurar em solo brasileiro.

O último treinador do Palmeiras nascido na Europa tinha sido o italiano Caetano de Domenico, campeão paulista em 1940, ainda na época do Palestra Italia, enquanto o mais recente comandante de fora do país foi o argentino Ricardo Gareca, em 2014.

Com contrato até o fim de 2024, Abel já deixou claro que não seguirá após o término do seu contrato. Resta saber se ele sairá antes. O Al-Sadd, do Catar, já demonstrou interesse no treinador, e outras propostas devem surgir durante as suas férias.

Palmeiras comemora 12º título brasileiro; veja a galeria de troféus

Últimas