Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Vini Jr. cobra punição para racismo: 'Problema é gravíssimo e comunicados não funcionam mais'

'Não é futebol, é desumano', afirma o jogador do Real Madrid após sofrer mais um ataque do tipo no futebol espanhol

Fora de Jogo|Do R7


Vinicius Jr. foi novamente alvo de ataques racistas na Espanha
Vinicius Jr. foi novamente alvo de ataques racistas na Espanha

Vinicius Junior voltou a se pronunciar nesta segunda-feira (22) após ser alvo de gritos racistas da torcida do Valencia, pelo campeonato espanhol.

Em vídeo publicado nas redes sociais, o jogador do Real Madrid ressaltou não ter sido a primeira vez em que ele foi alvo de preconceito racial no país europeu, e reuniu vídeos em que sofre as agressões.

São mostrados flagrantes de torcedores do Barcelona, Atlético de Madrid, Valladolid, Mallorca cometendo uma série de injúrias raciais contra o brasileiro, através de gritos, xingamentos e até mesmo um boneco enforcado sobre um viaduto.

Em um forte depoimento, o jogador brasileiro disse viver uma "surpresa desagradável" todas às vezes em que joga fora de casa pelo Campeonato Espanhol.

Publicidade

"Mas o discurso sempre cai em “casos isolados”, “um torcedor”. Não, não são casos isolados. São episódios contínuos espalhados por várias cidades da Espanha (e até em um programa de televisão)", escreveu o jogador. 

"As provas estão aí no vídeo. Agora pergunto: quantos desses racistas tiveram nomes e fotos expostos em sites? Eu respondo pra facilitar: zero. Nenhum pra contar uma história triste ou pedir aquelas falsas desculpas públicas", completa o camisa 20 do Real, criticando a passividade das autoridades com os crimes cometidos pelos torcedores rivais.

Publicidade

O brasileiro questiona o motivo pelo qual os patrocinadores não cobram a La Liga, e classificou a situação como "um problema gravíssimo", e que comunicados e notas oficiais "não funcionam mais". "Não é futebol, é desumano", completou o jogador.

Apenas nesta temporada, o Real Madrid protocolou dez denúncias aos promotores públicos da Espanha, denunciando casos de racismo contra Vini.

Publicidade

O episódio no Mestalla, no último domingo (21) gerou enorme repercussão mundo afora. Jogadores como Neymar, Mbappé, Casemiro, Ronaldo, Kaká, e autoridades, como o presidente da FIFA, Gianni Infantino, o presidente do Brasil, Lula (PT), e o da Espanha, Pedro Sanchéz, se posicionaram, lamentando o ocorrido e pedindo que a La Liga, organizadora do campeonato local tome medidas para punir com veemência o ocorrido.

Jornais esportivos na Espanha culpam Vinícius Jr. por caso de racismo

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.