Fora de Jogo Goleiro e treinador morrem em grave acidente de ônibus que levava time na Argélia; assista

Goleiro e treinador morrem em grave acidente de ônibus que levava time na Argélia; assista

Gravação feita por um jogador mostra os gritos da delegação após o veículo tombar; federação suspendeu futebol no país

  • Fora de Jogo | Do R7

Ônibus que levava delegação ficou destruído

Ônibus que levava delegação ficou destruído

Reprodução Facebook

Um jogador e um auxiliar técnico do Mouloudia El Bayadh, um dos mais tradicionais clubes da Argélia, morreram na noite desta quarta-feira (20), quando a delegação do time sofreu um grave acidente de ônibus. O veículo ficou tombado na pista.

Segundo informações divulgadas pelo clube nas redes sociais, o goleiro Zakaria Bouziani, de 27 anos, e o auxiliar técnico Khalid Muftat foram as duas vítimas mortas. Outros quatro jogadores foram levados ao hospital em estado grave, enquanto o restante do elenco, que também foi hospitalizado, não corre risco de vida.

O clube se deslocava para a cidade de Tizi Ouzou, onde iria enfrentar o JS Kabylie, nesta sexta-feira (22), pelo Campeonato Argelino.

O motorista do ônibus, que não teve a identidade revelada, afirmou que perdeu o controle da direção antes de o veículo tombar na pista.

“Eu estava indo a 80 km/h, antes de ser surpreendido por uma curva séria, e eu perdi o controle do ônibus. Tentei ao máximo controlar o ônibus novamente, e logo após passar a curva, a cerca de 500 metros, escorreguei e fiquei fora de controle, até virar", contou.

Um dos jogadores da equipe gravou os instantes após o acidente e mostrou um ferimento que sofreu na perna. O ônibus ainda estava tombado, e é possível ouvir gritos e choros ao fundo da gravação.

Clique aqui e receba as notícias do R7 Esportes no seu WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo Telegram
Assine a newsletter R7 em Ponto

Em razão do trágico acidente, a Federação Argelina de Futebol suspendeu todas as atividades profissionais no país.

O presidente da Argélia, Abdelmadjid Tebboune, lamentou o acidente e prestou solidariedade às vítimas, familiares e fãs do Mouloudia El Bayadh, que ocupava a sexta colocação no torneio local, antes da suspensão imposta pela federação.

Há cinco anos, Diniz tietava Guardiola: veja o que mudou na vida dos dois treinadores

Últimas