Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Empresário vítima de queda de avião foi presidente do XV de Piracicaba

Clube, tradicional no interior paulista, divulgou nota pelas redes sociais lamentando a tragédia que deixou sete mortos

Fora de Jogo|Do R7

Celso Silveira de Mello Filho e a mulher Maria Luiza morreram no acidente
Celso Silveira de Mello Filho e a mulher Maria Luiza morreram no acidente Celso Silveira de Mello Filho e a mulher Maria Luiza morreram no acidente

A queda do avião de pequeno porte que causou a morte do empresário Celso Silveira de Mello Filho, acionista do Grupo Raizen/Cosan, da mulher dele e dos filhos, além de piloto e copiloto, causou consternação no XV de Piracicaba, um importante clube do interior paulista, vice-campeão paulista em 1976.

O avião caiu em uma área de mata na região da avenida Cezira Giovanoni Moretti, em Piracicaba, na manhã desta terça-feira (14), 15 segundos após a decolagem.

Leia também

Entre os passageiros, Celso Silveira de Mello Filho era, além de empresário, um participante da política do clube. Foi presidente do XV entre 1988 e 1992.

Grupo Raizen patrocina o XV de Piracicaba
Grupo Raizen patrocina o XV de Piracicaba Grupo Raizen patrocina o XV de Piracicaba

O clube publicou nas redes sociais uma mensagem de luto, lamentando o trágico acontecimento.

Publicidade

"O XV de Piracicaba lamenta profundamente o falecimento de Celso Silveira Mello Filho, sua esposa, filhos e demais tripulantes vítimas da queda da aeronave em que estavam presentes nesta terça-feira (14).

Celso Silveira Mello Filho foi presidente do XV em duas oportunidades e atualmente compunha o quadro do Conselho Deliberativo do clube, além de ser irmão de Rubens Ometto Silveira Mello, presidente do Conselho de Administração do Grupo Raízen, patrocinador master do XV."

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.