Éverton Ribeiro pensa em seleção após gols em vitória do Flamengo: 'É com o Tite'

Depois da vitória por 2 a 1 sobre o Junior Barranquilla, na quarta-feira, na Colômbia, na estreia da Copa Libertadores, os jogadores do Flamengo chegaram na manhã desta quinta no Rio de Janeiro e ganharam folga do técnico português Jorge Jesus até a tarde desta sexta, quando treinarão pela única vez antes do clássico contra o Botafogo, neste sábado, no estádio do Maracanã, pela segunda rodada da Taça Rio, o segundo turno do Campeonato Carioca.

Até a reapresentação do elenco, um jogador em especial, o meia Éverton Ribeiro - autor dos dois gols rubro-negros contra o Junior Barranquilla -, viverá a expectativa de ser convocado à seleção brasileira. O técnico Tite anunciará nesta sexta-feira a primeira lista do ano para os dois primeiros jogos pelas Eliminatórias da Copa de 2022, no Catar. O Brasil enfrentará a Bolívia, no próximo dia 27, no Recife, e o Peru, em Lima, quatro dias depois.

"Jogando no Flamengo, que está em outro nível de futebol, tem que pensar sempre em seleção. Comigo não é diferente. Acho que fizemos a nossa parte dentro de campo. Agora é com o Tite e a comissão para ver o melhor para esses jogos", disse Éverton Ribeiro, nesta quinta-feira, em uma rápida entrevista coletiva no saguão de desembarque do Aeroporto Internacional Tom Jobim, o Galeão.

Caso seja convocado, o meia desfalcará o Flamengo na partida contra o Bangu, no próximo dia 23, pela quarta rodada da Taça Rio. A data, uma segunda-feira, marca a apresentação dos jogadores à comissão técnica da seleção.

O Flamengo já sabe que passará por essa situação com outro jogador do elenco. Nesta quinta-feira, o meia Arrascaeta foi convocado pelo técnico Óscar Tabárez para os compromissos da seleção do Uruguai pelas Eliminatórias contra Chile, em Montevidéu, e Equador, em Quito.