Em ascensão, Hertha bate Augsburg; Schalke sofre 4ª derrota seguida

Campeonato Alemão tem cinco jogos da 29ª rodada neste sábado (30). Hertha Berlin sobe na tabela, assim como o ameaçado Werder Bremen

Hertha Berlin bate Augsburg em rodada do Campeonato Alemão, neste sábado (30)

Hertha Berlin bate Augsburg em rodada do Campeonato Alemão, neste sábado (30)

Reuters

Em ascensão na temporada, o Hertha Berlin derrotou o Augsburg em casa neste sábado, por 2 a 0, e chegou ao quinto jogo seguido sem perder no Campeonato Alemão, considerando também as partidas anteriores à retomada da competição após a paralisação em razão da pandemia do novo coronavírus.

O Hertha Berlin se impôs e venceu o Augsburg com segurança. Isso mesmo sem poder contar com o brasileiro Matheus Cunha. Um dos destaques da equipe, o atacante teve uma concussão leve por conta de um choque de cabeça sofrido na partida diante do RB Leipzig, na última quarta-feira, e ficou fora do confronto, seguindo o protocolo de segurança da Fifa, que determina a ausência de um jogador por pelo menos uma semana em casos de concussão.

Os gols da partida foram marcados pelo holandês Dilrosun e pelo polonês Piatek. O triunfo levou o time da capital alemã, que vive boa fase, visto que venceu três dos últimos quatro jogos, para o nono lugar, agora com 38 pontos, mais perto da zona de classificação às competições europeias. O Augsburg é o 14º, com 31 pontos.

À frente do Hertha está o Hoffenheim, que se manteve na sétima posição, indo para 42 pontos, ao derrotar o Mainz 05 fora de casa por 1 a 0. O atacante togolês Bebou anotou o gol que assegurou o triunfo, cujo diferença no placar poderia ter sido maior se o suíço Zuber não tivesse perdido um pênalti na primeira etapa. O Mainz tem 28 pontos, está na 15ª colocação e não consegue se distanciar da zona de rebaixamento.

Em outro jogo já encerrado neste sábado, o Wolfsburg perdeu a chance de abrir distância para os rivais na briga por uma vaga na Liga Europa ao ser superado em casa pelo Eintracht Frankfurt por 2 a 1.

O Wolfsburg se manteve em sexto. No entanto, parou nos 42 pontos, mesma pontuação do Hoffenheim, mas à frente por ter saldo de gols superior. O Frankfurt, que chegou à vitória com gols do português Andre Silva e do japonês Kamada, soma 32 pontos e ocupa a 12ª posição. O zagueiro suíço Mbabu fez o único gol dos donos da casa.

LADEIRA ABAIXO - O calvário do Schalke 04 parece não ter fim. O time de Gelsenkirchen foi derrotado em casa por 1 a 0 pelo Werder Bremen e amargou a quarta derrota seguida. A equipe é a única que ainda não pontuou na retomada do torneio. São dez gols sofridos e apenas um marcado em quatro rodadas.

Incluindo jogos antes do pausa pelo coronavírus, o Schalke está há 11 jogos sem vencer, na sua pior sequência na história do Campeonato Alemão em 23 anos - são quatro empates e sete derrotas desde que ganhou pela última vez, em 17 de janeiro, diante do Borussia Mönchengladbach.

Os maus resultados consecutivos deixaram o Schalke na décima posição, estacionado nos 37 pontos. O Werder Bremen respirou com o triunfo, conquistado com um golaço em chute no ângulo do meia Leonardo Bittencourt, que é filho do ex-jogador brasileiro Franklin e nasceu na Alemanha. No entanto, o time ainda está em situação muito difícil. É o vice-lanterna, com 25 pontos. Só está à frente do Paderborn.

"JUSTIÇA PARA GEORGE" - O meio-campista norte americano Weston McKennie, do Schalke, usou uma braçadeira com a frase "Justice for George" ("Justiça para George") em protesto contra a morte de George Floyd, de 46 anos, morto na última segunda-feira por asfixia após um policial ajoelhar-se sobre seu pescoço durante uma abordagem em Minneapolis, nos Estados Unidos.