Em ajuda para combater coronavírus, Mineirão e ONG doam R$ 240 mil à hospital

Um dos principais estádios do Brasil, o Mineirão anunciou nesta sexta-feira a doação de R$ 240 mil ao Hospital da Baleia, em Belo Horizonte. A doação foi feita em parceria com a ONG alemã Dahw Brasil. O valor será destinado para compra de equipamentos de proteção individual, os chamados EPIs, para os profissionais da saúde no combate à pandemia do novo coronavírus.

De acordo com a gestão do estádio mineiro, o valor foi obtido na Alemanha, na troca de recursos por pedaços da rede do gol na goleada de 7 a 1 que a seleção brasileira sofreu diante do time alemão, na semifinal da Copa do Mundo de 2014.

"Assim como o mundo todo, nós, no Mineirão, temos buscado incansavelmente formas de contribuir na batalha contra essa pandemia. Compreendemos a nossa responsabilidade, como empresa e como cidadãos, e, em conjunto com os parceiros da Dahw, conseguiremos equipar nossos médicos adequadamente, com luvas, máscaras, álcool e óculos de proteção", afirma Ludmila Ximenes, responsável pelas relações institucionais do Mineirão.

"Temos muita esperança de que, em momentos como este, atitudes como essa possam despertar o interesse da sociedade para a necessidade de engajamento de todos em questões sociais, sobretudo de saúde pública. Amamos o Brasil, estamos aqui há mais de 60 anos, e continuaremos nos esforçando para instigar essa sociedade tão diversa a se reconhecer, se valorizar e se ajudar. O momento que vivemos é fundamental para isso", diz Reinaldo Bechler, diretor executivo da Dahw Brasil.

O Mineirão também está colaborando no combate à pandemia ao ajudar em campanha para arrecadar doações. Os recursos são necessários para adquirir equipamentos hospitalares para inaugurar nova ala do Hospital da Baleia. As doações podem ser feitas por pessoas físicas e empresas, diretamente no site: https://hospitaldabaleia.org.br/doar-agora/.