Esportes Dolorido, Cuca não garante permanência no Santos após Brasileiro: 'Depois vemos'

Dolorido, Cuca não garante permanência no Santos após Brasileiro: 'Depois vemos'

A reta final do Campeonato Brasileiro também pode representar os últimos passos da terceira passagem de Cuca como treinador do Santos. Nesta quarta-feira, após o empate por 3 a 3 com o Grêmio, em duelo válido pela 34.ª rodada do Campeonato Brasileiro, em Porto Alegre, o treinador evitou assegurar a permanência no clube para a temporada 2021.

Cuca tem contrato com o Santos apenas até o fim do Brasileirão. E deixou o futuro aberto, além de admitir que a derrota para o Palmeiras na decisão da Copa Libertadores, no último sábado, ainda lhe incomoda. O treinador ainda não havia dado entrevistas após o confronto, pois foi expulso nos minutos finais da partida.

"Eu tenho contrato com o Santos até dia 24, vou suar sangue a cada minuto até o dia 24. Depois vemos o que faremos. O importante é minha cabeça estar boa, mesmo com coração dolorido, vocês não tem ideia. Estamos nos levantando juntos. Eles me levantam, eu levanto eles. É assim que funciona", afirmou, também reconhecendo que o elenco ficou abalado com o revés.

Anteriormente, o presidente Andrés Rueda assegurou interesse na permanência de Cuca à frente do Santos, em discurso que foi repetido por Jorge Andrade, diretor de futebol do clube, nesta quarta-feira.

"A gente está conversando com ele. O Cuca sentiu muito o jogo, mas vamos ver isso. Gostaria muito que ele ficasse e vou fazer força para que isso aconteça. O Cuca é um fantástico gestor de pessoas e isso facilita o trabalho", afirmou, em entrevista à Rádio Grenal.

Cuca assumiu o comando do Santos em agosto, iniciando a sua terceira passagem como técnico pelo clube - as outras foram em 2008 e 2018. Nesta temporada, além de ter levado o time à decisão da Libertadores, caiu nas oitavas de final da Copa do Brasil para o Ceará.

Com cinco jogos para fazer no Brasileirão, o Santos soma 46 pontos e busca uma vaga nas fases preliminares da Copa Libertadores. O próximo compromisso do time será no sábado, às 21 horas, diante do Atlético Goianiense, fora de casa.

Últimas