Esportes Diretor do Dortmund crê na permanência de Haaland: 'Tem que ser como Lewandowski'

Diretor do Dortmund crê na permanência de Haaland: 'Tem que ser como Lewandowski'

Destaque do Borussia Dortmund nesta temporada, o norueguês Erling Haaland já tem o seu nome especulado em outros clubes grandes do futebol europeu. Segundo o diretor executivo do time alemão, Hans-Joachim Watzke, o atacante de 20 anos vai permanecer onde está. Em entrevista à revista alemã Kicker, o dirigente usou o polonês Robert Lewandowski como exemplo para garantir a permanência do centroavante no elenco.

"Eu não acredito que isso vá acontecer (sair do Borussa Dortmund). Erling e seu empresário, Mino Raiola, sabem o que podem conquistar conosco. Eu só posso aconselhá-lo a ser como Robert Lewandowski", disse Watzke sobre o atual atacante do Bayern de Munique, recém eleito pela Fifa como o melhor jogador do mundo em 2020.

Antes de defender o Bayern de Munique, Lewandowski jogou por quatro temporadas no Borussia Dortmund, entre 2010 e 2014. Em sua passagem pelo clube de Dortmund, então comandado pelo técnico Jurgen Klopp, foi campeão duas vezes do Campeonato Alemão e vice da Liga dos Campeões da Europa.

Para o dirigente, Haaland precisa se espelhar na trajetória do polonês. "Ele (Lewandowski) deu a si o tempo para se tornar em um absoluto jogador extraclasse no Dortmund. Você não vai poder fazer isso em um ano", acrescentou Watzke. "Está claro que Erling vai nos deixar em algum ponto e ele vai para um clube ainda maior. Muitos não são considerados. Se você vai para um clube com o Real Madrid, só para dar um exemplo, você tem que ser extraclasse", completou.

Haaland tem contrato com o Borussia Dortmund até 2024, mas há uma cláusula que prevê que ele pode deixar o clube alemão por 75 milhões de euros (R$ 479 milhões na cotação atual) ao final da temporada 2020/2021.

Desfalque nos últimos sete confrontos do time em 2020 por conta de uma lesão muscular na coxa, Haaland voltou a jogar no último domingo na vitória por 2 a 0 sobre o Wolfsburg, pela 14.ª rodada do Campeonato Alemão. Com 17 gols em 15 jogos na temporada, ele não atuava desde 28 de novembro.

Últimas