Esportes De volta à grama, Federer vence na estreia no Torneio de Halle

De volta à grama, Federer vence na estreia no Torneio de Halle

De volta à grama após quase dois anos, Roger Federer sofreu mais do que o esperado nesta segunda-feira mas venceu em sua estreia no Torneio de Halle. Dono de dez títulos na competição alemã, o suíço derrotou o belorusso Ilya Ivashka por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/4) e 7/5, em 1h36min de jogo.

Na segunda rodada, que já equivale às oitavas de final, o atual número oito do mundo vai enfrentar o vencedor do duelo entre o polonês Hubert Hurkacz, campeão do Masters 1000 de Miami neste ano, e o canadense Felix Auger-Aliassime. Se confirmar o favoritismo, Federer poderá cruzar com o russo Daniil Medvedev nas quartas de final do torneio de nível ATP 500.

Com a vitória, Federer estreou na curta temporada de grama, que é o seu grande objetivo da temporada. Em busca dos grandes títulos, o veterano avalia que tem mais chances de levantar o troféu em Wimbledon, o terceiro Grand Slam da temporada, que terá início no dia 28 deste mês.

Na última edição do tradicional torneio inglês, ainda em 2019 (não houve campeonato em 2020 por causa da pandemia), Federer foi vice-campeão ao ser derrotado pelo sérvio Novak Djokovic numa disputada final. Na ocasião, o suíço desperdiçou dois match points.

Ao fim de sua estreia, nesta segunda, o suíço admitiu certo nervosismo em seu retorno à grama. "Acho que, com o decorrer do jogo, eu comecei a criar mais oportunidades e comecei a acalmar os meus nervos um pouco", comentou. "De forma geral, acho que saquei muito bem. Claro que sempre dá para melhorar, mas estou muito feliz e empolgado por ter passado pela primeira rodada."

Federer voltou a competir nesta segunda após abandonar Roland Garros assim que avançou às oitavas de final. Ele desistiu por considerar que já havia se desgastado muito fisicamente no torneio, no qual entrou apenas para ganhar ritmo de jogo, na esteira das duas cirurgias no joelho direito que sofreu no ano passado.

Halle é apenas o seu quarto torneio em 2021. Ele retornou ao circuito em Doha, em março, quando jogou apenas duas partidas - uma vitória e uma derrota. Caiu logo na estreia em Genebra. E abandonou Roland Garros depois de vencer três jogos.

Ainda nesta segunda, avançou na competição alemã o francês Corentin Moutet, ao superar o belga David Goffin, 7º cabeça de chave, que desistiu antes do início do terceiro set. Também venceram o australiano Jordan Thompson e os americanos Marcos Giron e Sebastian Korda.

Últimas