Esportes Cuca prevê maratona de jogos com elenco reduzido e pede reforços para a diretoria

Cuca prevê maratona de jogos com elenco reduzido e pede reforços para a diretoria

O técnico Cuca não pode nem ouvir falar na possibilidade do atacante Marinho ser negociado com a equipe do Al-Nassr, da Arábia Saudita. Com elenco na "conta do chá" ou seja reduzido, o treinador fez um apelo à diretoria do clube para que nenhum jogador saia de clube e o plantel seja encorpado.

"Se você vende um Marinho, Soteldo, Lucas Veríssimo ou Carlos Sanchez, não vai conseguir repor no mesmo nível porque não tem reposição no mercado", disse o treinador. "Além do Brasileiro, que até fevereiro será disputado quase todo domingo e quarta, ainda temos competições importantes como Libertadores e Copa do Brasil."

Cuca revelou que vai rodar bastante os jogadores com a intenção de poupar os atletas da maratona de jogos. O técnico deu como exemplo o que ocorreu com o meio-campista Jean Mota, que sentiu um problema muscular após dois minutos no gramado. "É muito desgastante e temos de criar alternativas."

O técnico exemplificou a agenda complicada que o time vai ter para os próximos dias. "Jogamos hoje e no sábado temos o Ceará, em Fortaleza. Depois pegamos Atlético-MG e São Paulo antes do confronto com o Olímpia (Libertadores). Precisamos planejar direito para ter o melhor time em campo. Por isso tudo, não podemos vender nossos melhores jogadores. Sabemos das dificuldades financeiras do clube, que também nos impedem de contratar."

Últimas