Copa 2018 Suécia vence Coreia do Sul e deixa a Alemanha na lanterna no Grupo F

Suécia vence Coreia do Sul e deixa a Alemanha na lanterna no Grupo F

Com auxílio dos árbitros de vídeo, suecos marcam em cobrança de pênalti de Granqvist e, agora, dividem a liderança da chave com o México

Copa do Mundo

Granqvist marcou gol de pênalti e garantiu a vitória da Suécia por 1 a 0

Granqvist marcou gol de pênalti e garantiu a vitória da Suécia por 1 a 0

Matthew Childs/Reuters - 18.06.2018

A Suécia venceu a Coreia do Sul por 1 a 0, nesta segunda-feira (18), em Nizhny Novgorod, e se juntou ao México na liderança do Grupo F da Copa do Mundo de 2018.

O resultado veio com o gol do capitão Granqvist, de pênalti, graças ao uso da arbitragem de vídeo (VAR).

Confira tudo sobre Copa 2018 no R7 Esportes

Com a vitória sueca, coreanos e alemães ocupam, agora, com mesmo número de pontos (0), saldo de gols (-1) e gols sofridos (1), a lanterna da chave.

Coreia começa melhor, mas Suécia reage

A Coreia iniciou a partida ligeiramente melhor que a Suécia. Foram os europeus, porém, que criaram as primeiras boas oportunidades do jogo.

Aos 12, após troca de passes, Berg tentou o chute e foi travado. Na sobra, Lustig cruzou e Cho Hyun-Woo defendeu.

Seis  minutos depois, Granqvist tentou tabela com Berg, que devolveu de letra. O volante saiu na cara do gol e quase finalizou, mas foi travado pela zaga.

A melhor chance da Suécia veio aos 21 minutos. Sozinho na grande área, Berg recebe passe na cara do gol e completou de primeira, mas Cho fez belíssima defesa.

Aos 43, nova jogada perigosa da Suécia: Berg se livrou da zaga, levou para a linha de fundo e chutou de direita, mas mandou para fora.

A Suécia teve outra boa oportunidade aos 47, quando Claesson recebeu cruzamento e foi no alto para cabecear para fora.

No 2º tempo, superioridade sueca surte efeito

Aos seis minutos, Koo recebeu cruzamento na área e cabeceou, mas mandou na rede pelo lado de fora.

Aos 11, quase a Suécia marcou. Em cobrança de falta, Toivonen subiu bem e desviou de cabeça, mas Cho espalmou.

O sistema de árbitro de vídeo entrou em ação mais uma vez aos 18 minutos. Kin Min-Woo deu entrada dura em Claesson. O árbitro mandou seguir, mas, na sequência do lance, pediu a utilização do VAR.

Granqvist, aos 20, foi com tranquilidade para a cobrança e deslocou o goleiro sul-coreano para abrir o placar.

Hwang teve oportunidade clara de gol aos 47. Após bola escorada, ele apareceu livre, no centro da área, para cabecear colocado. Mas, ele mandou para fora.

18/06 – Nihzny Novgorod (Nihzny Novgorod)
Suécia 1 x 0 Coreia do Sul
Árbitro:
Joel Aguilar (Honduras); Público: 42 300; Gol: Granqvist 20 do 2º; Cartões amarelos: Claesson (Suécia); Kim Shin-Wook e Hwang Hee-Chan (Coreia do Sul)
Suécia: Olsen, Augustinsson, Granqvist, Jansson e Lustig; Larsson (Svensson 36 do 2º), Ekdal (Hilkemark 26 do 2º), Claesson e Forsberg; Berg e Toivonen (Thelin 32 do 2º). Técnico: Janne Andersson
Coreia do Sul: Jo, Yong Lee, Jang, Younggwon Kim e Park (Minwoo Kim); Ki, Jaesung Lee e Koo (Seungwoo Lee 28 do 2º); Hwang, Kim Shinwook (Jung 21 do 2º) e Son. Técnico: Taeyong Shin

Veja as melhores fotos de Suécia e Coreia do Sul

    Access log