Copa 2018 Espanha só empata com Marrocos, se classifica em 1º e pega a Rússia

Espanha só empata com Marrocos, se classifica em 1º e pega a Rússia

Os espanhóis empataram em 2 a 2 com o Marrocos com um gol de Rodrigo nos acréscimos e chegaram à liderança do Grupo A. Portugal foi o 2º da chave

  • Copa 2018 | Cesar Sacheto, do R7

Atacante espanhol faz o segundo gol contra a Espanha de Piqué

Atacante espanhol faz o segundo gol contra a Espanha de Piqué

REUTERS/Fabrizio Bensch - 25.6.2018

A Espanha apenas empatou com o Marrocos por 2 a 2 nesta segunda-feira (25), em Kaliningrado, mas avançou em primeiro lugar no Grupo B da Copa — Portugal empatou com o Irã e terminou na segunda posição da chave. Com o resultado, o confronto dos espanhóis nas oitavas de final será com a Rússia, que terminou na segunda colocação do Grupo A.

Confira o minuto a minuto de Espanha x Marrocos no R7

Os marroquinos se despediram da quinta participação em Copas — também estiveram presentes em 1970, 1986, 1994 e 1998 — de forma honrosa e com uma boa atuação diante dos espanhóis.

O jogo começou tenso, com divididas duras e uma confusão entre os jogadores. Após uma falta de N. Amrabat sobre Sergio Ramos, os atletas se estranharam e o marroquino também bateu boca com o árbitro da partida, Rashvan Irmatov (Uzbequistão).

Veja a tabela completa da Copa do Mundo 2018

Os espanhóis, apesar da já conhecida estratégia de tocar a bola — tinham 73% de posse nos dez minutos iniciais —, não conseguiam levar perigo à meta adversária e ainda sofreram um contra-ataque mortal.

Aos 14 minutos, Iniesta e Sergio Ramos se atrapalharam no meio de campo e perderam a bola para Boutaid. O atacante disparou sem marcação e tocou na saída de De Gea para abrir o placar.

Mas o talento do veterano Andrés Iniesta, de 34 anos, que faz a sua última Copa e já anunciou a saída do Barcelona, tirou a Espanha do sufoco poucos minutos depois. Aos 19, o meia tabelou com Isco, foi à linha de fundo e apenas rolou para o companheiro igualar o marcador: 1 a 1.

O Marrocos não se intimidou e, aos 25, Boutaib aproveitou uma cobrança de lateral, chegou livre na frente do goleiro espanhol e bateu firme, mas De Gea fez uma defesa sensacional. Os africanos quase retomaram a frente no placar.

Mas os jogadores do Marrocos estavam muito nervosos. Aos 31 minutos, N. Amrabat levou cartão amarelo por uma falta violenta em Sergio Ramos. Segundos depois, Da Costa também foi advertido pela arbitragem por outro lance faltoso.

Inconformado, Mbark Boussoufa discutiu com o árbitro Irmatov e também levou o cartão. Entretanto, nem mesmo a punição acalmou o capitão marroquino, que continuou reclamando.

Curta a página R7 Esportes no Facebook

Antes do apito final da primeira etapa, aos 46 minutos, o meia Iniesta fez outra grande jogada pela esquerda e cruzou. Mas Diego Costa chegou atrasado e perdeu um gol feito.

No primeiro tempo, o currículo e o peso da camisa espanhola não foram suficientes para obter vantagem sobre a modesta seleção marroquina.

Segundo tempo

A segunda etapa começou com as equipes abertas em busca do gol. O jogo ficou ainda mais corrido e com o mesmo panorama do primeiro tempo: a Espanha procurava chegar ao gol no toque de bola, enquanto a seleção africana esperava por contra-ataques.

O Marrocos teve uma chance incrível para voltar à frente do placar com N. Amrabat, aos 10 minutos. O atacante chutou de longe e acertou a trave do goleiro De Gea.

Aos 16, foi a vez da Espanha chegar perto da virada. O meia Isco cabeceou com precisão, a bola passou pelo goleiro e entraria, mas o zagueiro marroquino salvou sobre a linha. Na cobrança de escanteio, Piqué subiu de cabeça e quase fez.

Surpreendentemente, os marroquinos fizeram o segundo gol, aos 35 minutos. Após cobrança de escanteio, o atacante En-Nesyri, que havia entrado pouco antes, cabeceou sem chandes para De Gea: 2 a 1.

Nos acréscimos, a Espanha teve um gol de Iago Aspas anulado em um impedimento marcado. Mas o árbitro de vídeo foi consultado e validou o lance. Com isso, os espanhóis chegaram ao empate nos segundos finais da partida.

Depois do gol, houve ainda mais confusão entre os jogadores. Os marroquinos não se conformaram com a validação do gol espanhol e reclamaram muito mesmo após o apito final do uzbeque e Rashvan Irmatv.

Ficha técnica
25/6 – Estádio Kaliningrado (Kaliningrado)
ESPANHA 2 x 2 MARROCOS

Árbitro: Ravshan Irmatov (Uzbequistão); Gols: Boutaib, aos 14 minutos do 1º tempo; Isco, aos 19 do 1º tempo; En-Nesyri, aos 36 do 2º; Aspas, aos 48 do 2º; Cartões amarelos: El Ahmadi, N. Amrabat, Da Costa, El Kajoui, Hakimi (Marrocos).
ESPANHA: De Gea; Carvajal, Piqué, Sergio Ramos e Jordi Alba; Sergio Busquets, Thiago Alcântara (Asensio, aos 28 do 2º), David Silva (Rodrigo, aos 38 do 2º), Isco e Iniesta; Diego Costa (Aspas, aos 28 do 2º). Técnico: Fernando Hierro.
MARROCOS: El Kajoui; Dirar, Da Costa, Saiss e Hakimi; El Ahmadi, Boussoufa, N. Amrabat, Belhanda (Fajr, aos 18 do 2º) e Ziyach (Bouhaddouz, aos 39 do 2º); Boutaib (En-Nesyri, aos 25 do 2º). Técnico: Hervé Renard.

Copa 2018: veja as melhores imagens de Espanha x Marrocos

Últimas