Copa 2018 Autor britânico de biografia de Sócrates fala sobre seu legado

Autor britânico de biografia de Sócrates fala sobre seu legado

Traduzido também para Francês e Italiano, livro foi indicado para prêmio Sports Book Awards, no Reino Unido, e terá suas versões para Turco e Polonês

sócrates, biografia, doctor socrates, andrew downie,

Biografia de Sócrates disputará prêmio de melhor livro de esportes no Reino Unido

Biografia de Sócrates disputará prêmio de melhor livro de esportes no Reino Unido

Divulgação/Instagram

Há pouco mais de seis anos, no dia em que o Corinthians se sagrou pentacampeão brasileiro, Sócrates, ídolo do clube e do futebol nacional, falecia aos 57 anos.

Devido ao seu futebol vistoso, peça importante da seleção brasileira de 1982 — recentemente elogiada por Pep Guardiola —, e à sua influência fora de campo, como na Democracia Corintiana, o craque tem seu legado vivo até hoje.

Prova disso é Doctor Socrates, sua biografia, escrita pelo jornalista escocês Andrew Downie.

O livro foi a primeira obra sobre um brasileiro a compor a lista dos finalistas que disputaram o tradicional prêmio Sports Book Awards, dado ao melhor livro sobre esportes do ano. O vencedor será descoberto em junho.

Autor da biografia, Downie conversou com o R7 sobre Sócrates, sua influência fora de campo e a repercussão da obra em seu país.

“O livro foi muito bem recebido. Está sempre na lista dos livros mais vendidos sobre a América do Sul na Amazon. Já foi traduzido para Francês, no ano passado, e Italiano, que será publicado no mês que vem. E está sendo traduzido agora para Turco e Polonês agora”, conta o autor da biografia.

“Das 30 pessoas que deixaram resenhas na página da Amazon, todas deram 5 estrelas — o máximo”, explica Downie.

Com tal repercussão, pode-se concluir que a história de um dos expoentes da memorável seleção brasileira de 1982 já era de interesse dos britânicos? Para o jornalista, sim.

“Sócrates é bastante conhecido. Todos lembram e adoram o time de 1982, do qual [ele] era capitão. Esse time cativou o mundo. Além disso, Sócrates é um ícone progressivo, pela Democracia Corinthiana, pela medicina, pela luta que ele viveu contra a ditadura”, afirma Downie, que faz questão de ressaltar a presença dos brasileiros no Reino Unido.

“Tem muitos brasileiros que moram lá, pois o mundo é pequeno agora com a globalização. Na sexta passada, eu estava comprando uma camiseta em Edimburgo e conversei com dois brasileiros na fila para a caixa. Também há muitos jogadores. Desde Mirandinha, nos anos 80, até Firmino, Willian, Richarlyson, Ederson, etc.”, disse ele.

“Hoje a Premier League está cheia de brasileiros. Todo mundo reconhece o talento que vocês têm com a bola, e todo mundo gosta de ter um jogador brasileiro no time”, completou.

EsportesR7 no YouTube. Inscreva-se

Como era o mundo quando Wenger foi contratado pelo Arsenal