Copa 2018 Africanos têm o pior desempenho em Copas desde 1982

Africanos têm o pior desempenho em Copas desde 1982

Depois de 8 Mundiais em que pelo menos uma seleção do continente atingiu as oitavas, Senegal, Nigéria, Egito, Marrocos e Tunísia decepcionaram

Decepção africana

Sané ficou inconsolável com a derrota e a desclassificação para as oitavas

Sané ficou inconsolável com a derrota e a desclassificação para as oitavas

David Gray/Reuters - 28.06.2018

Durante 32 anos, a Copa do Mundo sempre nos trouxe grandes surpresas com africanos que se classificaram para as fases eliminatórias. Seja com Gana, que chegou às quartas em 2010, ou com nigerianos e argelinos, que avançaram para a segunda fase em 2014, foram 8 edições da Copa com pelo menos um representante do continente avançando da primeira fase.

O egípcio Salah chegou à Copa lesionado

O egípcio Salah chegou à Copa lesionado

REUTERS/Darren Staples - 25.6.2018

Na Rússia, isto não aconteceu. Todos os 5 representantes africanos cairam diante de seus adversários nas chaves. Alguns ficaram muito próximos da classificação, como Nigéria e Senegal. Outros chegaram com grande expectativa gerada por craques e decepcionaram, principalmente com Salah (foto acima), no Egito.

Independente da forma como atuaram, sempre que houve uma seleção africana em campo, havia festa na arquibancada e torcida ao redor do mundo. Infelizmente é um fator a menos para as oitavas de final. Uma pena.