Contra pior equipe do Carioca, Vasco tem ótima oportunidade de embalar

O Vasco terá nesta quinta-feira uma excelente oportunidade de conquistar sua primeira vitória em São Januário neste ano. Às 21h30, pela quarta rodada da Taça Guanabara, o primeiro turno do Campeonato Carioca, o time cruzmaltino vai encarar a Cabofriense, equipe que perdeu os três jogos que disputou - é a única sem pontos na competição estadual.

No momento, o Vasco está cinco pontos atrás da zona de classificação para as semifinais da Taça Guanabara. Sendo assim, a vitória nesta quinta é obrigatória, já que depois desse compromisso faltarão apenas duas rodadas para o fim da primeira fase - e o técnico Abel Braga já anunciou que vai escalar uma equipe reserva no clássico contra o Botafogo, no domingo.

O time de Abel vem de uma sofrida vitória por 1 a 0 sobre o Boavista, no último sábado, em Cariacica, Espírito Santo. Embora o gol salvador tenha saído apenas aos 49 minutos do segundo tempo, o resultado deu alívio e confiança aos jogadores do Vasco, que esperam obter um triunfo muito mais confortável contra a Cabofriense.

"Em casa, com a nossa torcida, nós não podemos esperar o adversário. A Cabofriense vem de três derrotas, então temos de ir para cima, buscar os gols e a vitória", afirmou o volante Raul.

Na entrevista coletiva que concedeu nesta quarta-feira, o jogador deu a entender que Gabriel Pec voltará à equipe no lugar de Juninho, que foi titular em Cariacica. Isso porque Pec dá mais criatividade ao Vasco, algo que fez bastante falta no último sábado.

"A ideia que o Abel teve no jogo passado, com três volantes, era de preencher mais o meio. Tivemos muita posse de bola, mas poucas chances. No segundo tempo voltamos com o Pec e criamos mais chances. Ele (Abel) está procurando a melhor formação, vai de acordo com o adversário", comentou Raul.

O atacante argentino Cano, autor do gol da vitória em Cariacica, será a grande atração da partida, ao lado do jovem Talles Magno, principal revelação do clube em 2019. Na única vez em que jogaram juntos em São Januário, contra o Bangu, na primeira rodada, eles negaram fogo e o Vasco não saiu do empate por 0 a 0.