Esportes Com substitutos machucados, Crespo lamenta perder Daniel Alves no São Paulo

Com substitutos machucados, Crespo lamenta perder Daniel Alves no São Paulo

Hernán Crespo até tentou, mas não conseguiu evitar o assunto Daniel Alves em sua entrevista coletiva após a derrota para o Fluminense. O técnico do São Paulo se esquivou o quanto pôde, mas lamentou a perda por acontecer num momento da temporada em que os dois possíveis substitutos do titular estão machucados.

"Tivemos o problema do Daniel Alves, que o substituto Igor Vinicius não pôde jogar, Orejuela não pôde jogar por um problema na coxa", comentou, antes de evitar falar da saída inesperada do lateral. "É simplesmente uma situação da diretoria. São questões pessoais com o Daniel. Eles vão falar com ele, não quero falar. Não foi um momento ideal, um momento em que não tínhamos Igor Vinicius e nem Orejuela. Tive que criar uma situação nova."

Daniel Alves avisou o São Paulo na sexta-feira que não defenderia mais o clube enquanto não recebesse o valor que o clube lhe deve, algo em torno de R$ 11 milhões. O São Paulo logo anunciou que não contava mais com o atleta no elenco, o que afetou a escalação de Crespo na noite de domingo.

Para o treinador, a baixa de última hora foi mais um episódio complicado que o time vem enfrentando nos últimos meses, como as seguidas lesões no elenco. "É um campeonato muito cheio de acidentes, coisas incríveis que estamos atravessando e que tivemos que passar, cheio de lesões. Nos 15 dias (sem jogos), não pudemos recuperar ninguém. No caso do Rigoni, foram os 10 primeiros minutos dele em campo desde o jogo contra o Juventude. O Arboleda não recuperou, nem Marquinhos..."

Quanto à atuação da equipe na derrota por 2 a 1 para o Flu, Crespo classificou a performance da equipe como "imprecisa". "Tivemos um jogo muito impreciso. Houve situações em que não pudemos jogar a bola clara. Foi muito difícil criar. Tentamos melhorar com as mudanças. Ela aconteceu. Levamos o gol na bola parada, mas tivemos situação com o Vitor Bueno, que podia empatar. Com uma equipe como o Fluminense, pequenos erros fazem a diferença."

Após tantas baixas por lesão, Crespo projetou reforços para o jogo da volta contra o Fortaleza, pelas quartas de final da Copa do Brasil. "Acho que para o jogo de quarta vamos ter notícias boas com Arboleada e Rigoni, como vimos. E o Benítez entrou bem. Começamos a recuperar lentamente as forças", comentou, mais confiante.

Mas, para a próxima rodada do Brasileirão, o treinador argentino deve ter novas baixas. O zagueiro Miranda e o meia Igor Gomes levaram o terceiro cartão amarelo contra o Flu e vão cumprir suspensão diante do Atlético-GO, no domingo que vem, no Morumbi.

Últimas